deputados.jpg

 

 

 

 

 

Deputados social-democratas estiveram na Trofa para saber quais as verdadeiras necessidades do mais jovem concelho do distrito do Porto

Os deputados do PSD eleitos pelo círculo do Porto vão questionar a Administração Central sobre o impasse na construção de obras estruturais para o concelho da Trofa, o mais recente do distrito com apenas sete anos e que, por isso, precisa de um investimento maior.

Durante uma visita que realizaram ao mais jovem concelho do distrito,  os deputados laranja mostraram-se solidarios com a autarquia e garantem que vão pressionar o governo.
“É lamentável que a Administração Central tenha um ritmo lento que não se compadece com as necessidades da população”, o deputado Agostinho Branquinho, referindo-se em concreto à construção de duas variantes às estradas nacionais 14 e 104. No final de um périplo pelo município, o deputado não deixou de congratular o município presidido pelo social-democrata Bernardino Vasconcelos por ter conseguido em tão pouco tempo melhorar a qualidade de vida da população e concluiu que os constrangimentos que persistem devem-se a impasses na Administração Central.

O deputadoafirmou último governo social-democrata organizou o dossier para que a obra avançasse e ataca o actual governo de não ter avançado “nem um milímetro”, mantendo o projecto parado há dois anos. As variantes deverão, de acordo com estudos já realizados, resolver problemas ambientais e de sinistralidade substanciais e reduzir em grande parte os 30 mil veículos que atravessam o concelho por hora.