Luís Cardoso, Filipe Reis, Pedro Rodrigues, Vítor Balbeira, Fernando Mineiro e José Roque foram os seis cicloturistas que se aventuraram a percorrer a Nacional 2, que liga Chaves a Faro. Durante cinco dias, em parceria com o Clube Slotcar da Trofa, percorreram cerca de 738,5 quilómetros por uma nobre causa: doar bens alimentares à Casa de Proteção à Rapariga e à Família.
A ideia desta ação partiu de Luís Cardoso. “Eu gosto da descoberta, de viajar, de conhecer o meu país e também gosto de desafios”, afirmou, acrescentando que “se a isso se juntar a atividade física e o desporto, há uma combinação perfeita”.
Os cicloturistas partiram dia 27 de junho de Chaves e seguiram todo o percurso da Nacional 2 (N2) até chegarem a Faro, onde foram recebidos de uma forma hospitaleira pela Câmara Municipal local. Rogério Bacalhau, presidente da autarquia, evidenciou que “nos últimos anos” tem havido uma “promoção muito grande” da rota da N2, que tem “uma importância crucial tanto no bem- estar das pessoas, como na economia nacional”.

Leia a reportagem na íntegra na edição n.º 673 do jornal O Notícias da Trofa, já nas bancas.