quant
Fique ligado

Trofa

Covid-19: Saldos proibidos entre 25 de dezembro e 09 de janeiro

Os saldos estão proibidos entre 25 de dezembro e 09 de janeiro, mas os consumidores vão poder fazer as trocas nas lojas até ao final do próximo mês

Publicado

em

Os saldos estão proibidos entre 25 de dezembro e 09 de janeiro, mas os consumidores vão poder fazer as trocas nas lojas até ao final do próximo mês, segundo uma nota do Conselho de Ministros.

De acordo com o comunicado, divulgado na terça-feira à noite, em matéria de proteção do consumidor e de venda em saldos, entre os dias 25 de dezembro de 2021 e 09 de janeiro de 2022 são proibidas, em estabelecimento, práticas comerciais com redução de preço.

“O prazo para o exercício de direitos atribuídos ao consumidor que termine entre os dias 26 de dezembro e 09 de janeiro, ou nos 10 dias posteriores àquele período, é prorrogado até 31 de janeiro de 2022”, é referido ainda.

O Governo aprovou na terça-feira um conjunto de medidas para controlar a pandemia de covid-19, tendo em conta a ameaça da nova variante Ómicron, que pode ser responsável por cerca de 90% das infeções no final do ano.

Decididas num Conselho Ministros que decorreu em Lisboa, estas medidas surgem cerca de um mês depois de o Governo ter, em 25 de novembro, aprovado uma estratégia de prevenção e combate à pandemia, que o surgimento recente da Ómicron obrigou a atualizar.

Entre as medidas anunciadas estão a antecipação do período durante o qual o teletrabalho é obrigatório, determinando que este regime vigora a partir das 00:00 do dia 25 de dezembro, e o encerramento de creches e ateliês de tempos livres (ATL), que estava previsto para a “semana de contenção” entre 03 e 09 de janeiro.

O encerramento de discotecas e bares com espaço de dança que o Governo definiu para o território continental na primeira semana de janeiro vai ser também antecipado, entrando em vigor a partir das 00:00 de sábado e prevendo apoios às empresas.

Publicidade

Passa a ser obrigatório um teste negativo para o acesso a hotéis e estabelecimentos de alojamento local a partir das 00:00 de 25 de dezembro, assim como para eventos empresariais e ainda festas familiares, como casamentos ou batizados.

O acesso a eventos desportivos e culturais dependerá também da apresentação de teste negativo ao coronavírus, independentemente do número de espetadores.

Foi também determinado que a lotação dos espaços comerciais vai passar a estar limitada a uma pessoa por cada cinco metros quadrados para evitar ajuntamentos que acontecem na semana a seguir ao Natal para trocas de presentes.

Os ajuntamentos na via pública de mais de 10 pessoas são proibidos na passagem de ano, assim como o consumo de bebidas alcoólicas nestes espaços públicos.

Continuar a ler...

Trofa

Colisão junto à Bial causa 5 feridos, dois deles em estado grave

Publicado

em

Por

Uma colisão no sentido norte/sul, ao quilómetro 9 da A3, junta da Bial, causou hoje 5 feridos, 2 em estado grave.

O acidente ocorreu cerca das 18h10m e para o socorro foram mobilizados 28 bombeiros dos Bombeiros Voluntários de Santo Tirso e dos Bombeiros Voluntários Tirsenses, apoiados por 9 viaturas e pelas equipas da VMER e da SIV do Centro Hospitalar do Médio Ave.

Os feridos foram todos transportados para o Hospital de S.João, no Porto.

A A3 esteve condicionada até cerca das 22h.

Continuar a ler...

Trofa

Mais de 170 estabelecimentos aderiram ao sorteio de Natal da Junta do Coronado

Publicado

em

Por

Na totalidade foram distribuídos cerca de 20.000 cupões, por 172 estabelecimentos aderentes no sorteio de Natal da Junta de Freguesia do Coronado.

Ao fazer compras no comércio tradicional, a população estava habilitada a 350 euros em compras, divididos por cinco prémios.

O sorteio foi realizado e os cinco contemplados vão ser contactados telefonicamente.

O executivo da Junta de Freguesia agradece a todos que colaboraram para o crescimento do comércio local da Vila.

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também