A Trofa foi palco de uma Corrida Contra o Racismo, uma das acções do núcleo do Porto da Frente Anti-Racista. Esta iniciativa, que decorreu nos distritos de Lisboa, Faro e Porto, "é também organizada em vários pontos do mundo e a Trofa foi uma das cidades portuguesas escolhidas para a realização desta corrida", de acordo com as declarações de Vítor Augusto, membro da organização.

 A corrida teve o apoio da Câmara Municipal da Trofa, bem como da Intersindical, Governo Civil do Porto e do Movimento Democrático das Mulheres, bem como da população, que não aderiu de acordo com as expectativas da organização.

"Alertar a população em geral para os problemas do racismo" era o objectivo principal deste evento, já que "infelizmente temos vindo a assistir a problemas a nível do aparecimento dos movimentos de extrema direita que de algum modo provocam a xenofobia e o racismo", afirmou Vitor Augusto.