quant
Fique ligado

jonati

Edição 513

Contrato de empréstimo da Câmara reduz spread

Publicado

em

O executivo do Município da Trofa reuniu-se esta quinta-feira, 5 de março, em sessão ordinária da reunião de Câmara.

Durante a sessão, o executivo da Câmara Municipal da Trofa aprovou por unanimidade a minuta da segunda adenda ao contrato de Renegociação das condições do contrato de Empréstimo de Reequilíbrio Financeiro, que prevê a redução da “taxa de spread” em “50 por cento”. Com esta redução, a taxa passa de “6,5 para 3,5 por cento”, o que, segundo Sérgio Humberto, edil trofense, representa “muitos milhões de euros só em juros”. O anúncio desta medida já tinha sido feito na Assembleia Municipal da Trofa, que decorreu a 27 de fevereiro.

Aproveitando o tema, Magalhães Moreira, vereador socialista, declarou que “há tempos foi anunciado numa reunião” que o executivo “iria consultar a banca para passar o contrato para outro banco”, querendo saber qual o ponto de situação. António Azevedo, vereador das Finanças, esclareceu que o Município tem “um endividamento de 2,5 só podendo fazer um re-empréstimo para pagar outro empréstimo se tiver 1,5”. “Estamos impedidos de ir ao mercado e a Caixa Geral de Depósitos (CGD) tem sido simpatiquíssima connosco”, denotou.

O autarca acrescentou que o executivo está “a fazer um jogo com eles (CGD), porque sabem que alguns municípios na mesma situação mudaram de entidade bancária e isso tem de ser comunicado ao Tribunal de Contas e não foi aprovado”.

Nesta sessão, a vereadora socialista, Joana Lima, foi substituída por Manuel Silva, que se ausentou da sala durante a discussão e aprovação, por unanimidade, da declaração de nulidade do protocolo de colaboração celebrado entre o Município da Trofa e os agrupamentos de escolas, no âmbito da aquisição de material didático, telefones e apoio ao funcionamento das bibliotecas. António Azevedo explicou que vão “acabar com o protocolo e elaborar um novo com os agrupamentos”, mantendo “o apoio nas bibliotecas e no material didático”. No caso dos telefones, a Câmara não paga “através do protocolo”, mas “diretamente” à PT.

Já com três votos contra dos vereadores eleitos pelo PS, foi aprovado por maioria a emissão de parecer/consulta prévia para as ações de rearborização da propriedade Vale de Salgueiros e outras da Portucel Soporcel Florestal. Na declaração de voto, Manuel Silva afirmou que esta decisão de voto tem a ver com o facto de acharem que “não estão reunidas as condições”, uma vez que, entre muitas razões apresentadas, consideram que a “área de intervenção estende-se por terrenos integrantes da REN (Reserva Ecológica Nacional) e espaço de proteção incluídos no PDM (Plano Diretor Municipal) importantes para a alimentação das linhas de água existentes”, que o “PDM da Trofa estabelece que na área florestal de proteção que se encontra atualmente ocupada por fluimento de espécies de crescimento rápido e resinosas deve ser privilegiada a reconversão do atual e a sua substituição por sistemas florestais de proteção com base em espécies autóctones ou adaptada às condições ecológicas locais e tradicionalmente utilizadas” e que “devido à excessiva predominância do eucalipto no concelho, com impactos ambientais que aí decorrem, será necessário mudar de paradigma no sentido de politização da nossa floresta, tendo em conta princípios de sustentabilidade e biodervisidade”.

Publicidade

Na sessão foi ainda aprovado por unanimidade a atribuição de apoio financeiro à Fábrica da Igreja de Santa Maria de Alvarelhos, no valor de “750 euros”.

Continuar a ler...
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Edição 513

Opinião: António Costa não é Tsipras nem VAroufakis. Felizmente!

Publicado

em

Por

Há quem considere que os políticos deveriam falar menos do que o que falam, pois consideram que falam demais. É verdade que alguns políticos falam muito, mas é bom, que assim seja, pois quanto mais falam mais sabemos aquilo que pensam. É assim que podermos avaliar melhor as suas ideias, para definirmos o nosso sentido de voto e podermos votar em consciência! Recentemente, António Costa, secretário-geral do PS, opositor do atual Governo de Portugal e candidato socialista a primeiro-ministro, que tem falado muito, mas apresentado poucas propostas para a solução de alguns problemas graves que afetam o país, como o desemprego e a pobreza, fez afirmações altamente positivas, nas comemorações do novo ano chinês, que decorreram no Casino da Póvoa de Varzim. É sempre de louvar as afirmações que puxam o nosso sentido patriótico bem para cima.

(mais…)

Continuar a ler...

Edição 513

Cruz Vermelha e Junta de Bougado em rutura

Publicado

em

Por

A Cruz Vermelha da Trofa e a Junta de Freguesia de Bougado estão de candeias às avessas. Com instalações no edifício do Mercado da Trofa há mais de três anos, cedidas pela Câmara da Trofa através de protocolo, a delegação da Trofa da Cruz Vermelha Portuguesa (CVP) viu esta semana o acesso ao espaço da cantina social Porta de Sabores impedida por um stand da Feira Anual da Trofa, mandado colocar pela organização.

(mais…)

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também

} a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);