São mais de 130 os animais que vão estar em competição no concurso nacional da Raça Holstein Frísia, na edição 2007 da Feira Anual da Trofa. Esta quinta-feira começam a chegar ao recinto da Feira Anual mas para trás ficaram já muitas horas de trabalho e treino dos criadores.

  Natural de Santiago de Bougado e com muitos prémios ganhos nestes concursos pecuários, Luís Filipe Couto Reis tem estado a preparar os seus 11 exemplares para que nos dias 3 e 4 de Março subam à passerelle e arrecadem o maior numero possível de prémios.

Este criador trofense, arrecadou na edição 2006 vários prémios mas o mais desejado por todos voltou a fugir-lhe. O titulo de Vaca Grande Campeã da Feira voltou a não ser atribuído a nenhum dos seus exemplares mas, Couto Reis tem esperança que "este ano talvez consiga mas tudo vai depender dos animais. No dia têm de estar disponíveis e também têm de querer e deixar-nos trabalhar". Mas nos dia que antecedem o concurso o trabalho a fazer é muito como afirma Couto Reis. " Dedicamo-nos a passear os animais, a manejá-los, a preparar os que vão participar pela primeira vez no concurso. Os animais que já costumam participar neste tipo de iniciativas apenas temos de lavá-los e relembrá-los das práticas que têm que efectuar nos concursos", assegurou.

Dias antes do concurso Filipe Couto Reis mostrou ao NT o processo de lavagem e tosquia dos animais para que no dia estejam prontos para desfilar.

Os cuidados com a alimentação são também muito importantes para o bem-estar dos animais e por isso, "é necessário ter cuidados com a alimentação e prepará-los para que não sintam o stress a que estão sujeitos por estarem expostos a hábitos diferentes, a outros horários e a uma realidade a que não estão habituados", frisou o criador.

Para ser premiado o animal tem de obedecer a algumas características. Couto Reis explica que um "bom exemplar tem que estar descarnado, tem que estar quase perfeito a nível de saúde, tem que manifestar toda a disponibilidade para andar, para que o tratador o consiga manejar e não pode ter nada para contrariar. Vinte e quatro horas antes do concurso, quanto mais banhos tomar tanto melhor. Assim o animal sentir-se-à muito relaxado e temos de o deixar comer tudo o que puder", acrescentou.

Outra das características de um bom exemplar "é ter um sistema mamário equilibrado e isso depende das horas de leite de caba um", frisou.

Quanto às melhorias do espaço físico Couto Reis é peremptório "no actual recinto as melhorias que se podiam fazer, estão a ser feitas este ano. Para este tipo de concurso acho que merecia um recinto novo com todas as condições, tanto para os animais, criadores e expositores, que geram a maior fatia de receita e que contribuem em grande parte para que o concurso se realize".