O Concerto de Páscoa da autarquia trofense encheu, na semana passada, a Igreja Nova de S. Martinho de Bougado.

A abarrotar pelas costuras. Era este o cenário da Igreja Nova de S. Martinho de Bougado, no passado dia 31 de março, no concerto da Páscoa, promovido pela Câmara Municipal da Trofa, no qual participaram vários grupos
paroquiais do concelho da Trofa.

As centenas de pessoas que encheram a igreja assistiram às atuações do Orfeão de Santyago, Grupo Coral Masculino Nossa Senhora da Assunção de Alvarelhos, Meninos Cantores do Município da Trofa e coros paroquiais de S. Mamede do Coronado, do Grupo de Jovens de S. João Baptista de Guidões e de S. Martinho de Bougado.

Em declaração ao NT, José Magalhães Moreira, vice-presidente da Câmara Municipal da Trofa, afirmou que o balanço do concerto foi “extremamente positivo” e prova disso foi o facto de “a igreja, sendo a maior do concelho, estar praticamente cheia”. “Sabemos que muitos dos grupos preparam reportórios especiais e ensaiam com muito mais afinco no sentido de poderem apresentar novas obras neste concerto o que estimula o desenvolvimento da música”, acrescentou.

Esta iniciativa assinalou a época da Páscoa, com o objetivo de, não só promover o tradicional concerto, como também, possibilitar aos grupos paroquiais Cidai promove festas da Páscoa presentes maior visibilidade aos seus trabalhos. Os temas musicais interpretados acabaram por reforçar o espírito desta quadra, preparando os espectadores “para viver com mais sensibilidade, a próxima semana”, que é “muito importante dentro da liturgia católica e que vai ser vivida pelas pessoas que estiveram presentes de modo mais intenso”, sublinhou o vice-presidente.

Confrontado com o futuro deste evento, que já tem sido hábito todos os anos nesta altura, José Magalhães Moreira exprimiu o desejo de que “ele prossiga rodando pelas diferentes freguesias do concelho”. Os vários coros paroquiais presentes acabaram por representar o “concelho todo”, sublinhou o autarca.

Fiel ao seu teor religioso, o concerto acabou por ser, na sua totalidade, uma atuação de sucesso. “Magnífica”, apelidou o vice-presidente da autarquia.

Stefanie Correia

 {fcomment}