A Torre dos Pequeninos celebrou 10º aniversário da instituição com pais e alunos na Casa das Artes. Espectáculo Bichofonia Concertante – Opus Formiguinha animou a tarde de sábado.

“Qual é a coisa, qual é ela que tem uma casa sem janela, anda às voltas no quintal, tem pausinhos e gosta do sol? Mas não é planta, é um animal…”. “O caracol!”, gritaram os alunos da Torre dos Pequeninos, que na tarde de sábado se divertiram com o espectáculo Bichofonia Concertante – Opus Formiguinha, na Casa das Artes, em Vila Nova de Famalicão.

Para comemorar o 10º aniversário da escola, pais e alunos juntaram-se para fazer uma viagem musical entre a realidade e a fantasia, onde se falou, para além do caracol, da galinha pedrês, da formiga e da borboleta.

“Estamos a celebrar os dez anos da instituição e ao mesmo tempo, nesta altura de Natal, proporcionamos um encontro informal da grande família da Torre dos Pequeninos”, explicou Amílcar Sousa, director executivo do colégio.

Dez anos depois, Amílcar Sousa, garante que o melhor indicador de que o trabalho desenvolvido não foi em vão “são os alunos e o ambiente que se vive na Torre dos Pequeninos”. “Estou convencido de que continuaremos a ajudar os pais a criar os seus filhos num ambiente de grande eficiência, de grande qualidade, alicerçado num espírito humanista, mas acima de tudo com um ensino estruturado”, frisou. No entanto, preferiu que a avaliação da instituição fosse feita pelos pais dos alunos que não faltaram à festa.

Mário Machado, fez a avaliação tendo em conta os oito anos em que a filha se manteve na Torre dos Pequeninos: “É um balanço muito positivo quer em termos educativos, a qualidade da formação foi muito positiva, quer em termos emocionais, a minha filha sempre se sentiu em casa e foi muito bem acolhida”.

Fernando Silva, membro da Comissão de Pais, tem duas filhas, com nove e quatro anos, na Torre dos Pequeninos e garante que a instituição “em termos de ensino está com um desenvolvimento acima do normal”. “A Torre dos Pequeninos tem condições diferentes de outras escolas, é mais adaptada às crianças, o grau de exigência é mais elevado, as pessoas que trabalham com as crianças têm formação específica e adequada e isto no seu conjunto faz com que a Torre dos Pequeninos fique acima de outras escolas”, acrescentou.

A Torre dos Pequeninos é um estabelecimento de ensino particular, situado em Santo Tirso, que se dedica exclusivamente às áreas da Creche, Jardim-de-infância e 1º Ciclo do Ensino Básico.