carnaval-S.-Mamede-42

A comissão de festas do Divino Espírito Santo organizou, na tarde de domingo, 3 de fevereiro, o desfile de carnaval, que contou com a participação das escolas da freguesia.

 Professores Pardal, irmãos Metralha, Minnie´s, Mickey’s, Popeye’s e Olívias Palito. Podia ser um programa da Disney, mas não. Tratava-se do Desfile de Carnaval de S. Mamede do Coronado, organizado pela comissão de festas do Divino Espírito Santo.

O Agrupamento Musical Juventude em Força de S. Mamede do Coronado anunciava o início do desfile, que contou com a participação das crianças das escolas básicas de Feira Nova e de Vila. Os foliões também não faltaram e aproveitaram para tecer críticas ao estado socioeconómico do país.

Devido à “falta de verbas”, as escolas não iam realizar o já habitual desfile de carnaval. Como para a comissão era importante que houvesse “carnaval para as crianças”, decidiu tomar conta da organização e convidar as associações de pais para participarem com as crianças. As associações de pais de Feira Nova e de Vila aceitaram o convite e embarcaram neste desfile, que começou na Praça do Vicente, em Trinaterra, percorrendo a Rua Vale do Coronado até ao Largo da Igreja de S. Mamede do Coronado.

No final do desfile, decorreu “um leilão de materiais agrícolas”, nomeadamente lenha, batatas, cebolas, tangerinas, kiwis e galos.

Segundo Manuel Silva, vice-presidente da Comissão de Festas do Divino Espírito Santo, esta foi outra “forma de angariar dinheiro” para as festas. Apesar do “mau” estado socioeconómico do País, o vice-presidente estava com “boas” expectativas para “vender tudo”.

 Carnaval S.Mamede

 

Onde cága a vaca” a 17 de fevereiro

Depois do desfile de carnaval, a comissão já está a preparar a próxima atividade para “angariar dinheiro” para a romaria. “Faço um convite a toda a comunidade da Trofa para se deslocar ao campo de futebol de S. Mamede do Coronado, no dia 17, porque além de ser um sorteio ‘onde cága a vaca’, iremos ter também outras atividades à moda antiga, como os saltos em sacos de serapilheira, o jogo da malha e outros eventos. É o voltar às tradições antigas. Compareçam que nós agradecemos”, convidou Manuel Silva.

Jogos tradicionais, atuação livre de karaoke, porco no espeto “bem regado” e o espetáculo musical do Rancho Divino Espírito Santo são algumas das atividades propostas pela comissão, com início marcado para as 14.30 horas do dia 17 de fevereiro, domingo. Outra atração será o jogo “onde cága a vaca”, em que a organização marca o campo de futebol com quadrados, numerando-os e sorteando-os. O apostador que tiver o número do quadrado onde o animal fizer as necessidades fisiológicas “ganha um prémio”.