Depois de ter vencido o Torneio de Leixões, o CAT continua o seu percurso vitorioso de preparação para a temporada que se avizinha, com a conquista de mais um torneio, este realizado na Trofa.

   O Clube Académico da Trofa continua o seu percurso de preparação para a nova temporada com boas indicações. Depois de ter vencido o torneio de Leixões, a equipa de Manuel Barbosa voltou a somar nova vitória, desta vez no I Torneio de Voleibol Feminino da Trofa.

Este torneio não juntou apenas a equipa sénior do emblema trofense, mas também os escalões de infantis, juvenis e juniores, com outras equipas como o CD Póvoa, Juventude Pacence, Leixões SC , AAS Mamede, Castelo da Maia GC, SC Arcozelo, CD Fiães e GC Vilacondense.

Relativamente ao escalão sénior, o CAT venceu o torneio, impondo uma vitória pela margem máxima sobre o Arcozelo, no primeiro jogo, pelos parciais de 25-20, 25-14 e 25-22 (a equipa do Arcozelo acabaria por não somar qualquer vitória, já que também perdeu com o Leixões por 3-1) e sobre o Leixões.

No jogo da final, o CAT teve mais dificuldades que no primeiro encontro, contudo a vitória foi conseguida, por 3-1 frente à equipa de Matosinhos.

No primeiro parcial a equipa de Manuel Barbosa impôs a sua superioridade e venceu sem grandes problemas por 25-17 e o mesmo aconteceu no segundo set, em que terminou com uma vitória de 25-14.

No terceiro parcial, as jogadoras facilitaram e acabaram por ceder o prolongamento do jogo para um quarto set, perdendo por 17-25. O Leixões ganhou ânimo e tentou surpreender o CAT, tentando levar a partida para a negra, mas as campeãs nacionais acabaram por ser mais consistentes e venceram por 29-27.

Para Manuel Barbosa é sempre importante vencer um torneio, no entanto há que ter em conta que estes encontros "não passam de jogos de preparação para dar ritmo e competitividade às atletas". O técnico assumiu que as jogadoras facilitaram nos parciais finais mas a boa exibição acabou por prevalecer: "é verdade que elas relaxaram um pouco e o jogo complicou-se, mas mesmo assim estou contente com a sua exibição no primeiro e segundo parciais".

Por seu lado, Teodoro Neto, treinador do Leixões, estava muito satisfeito com a resposta das atletas nos dois últimos parciais: "nos dois primeiros sets o Trofa entrou muito forte e a minha equipa não conseguiu impor o seu jogo. Depois foi-se restabelecendo e foi conseguindo alguns pontos, ao mesmo tempo que o Trofa ia baixando o seu nível. Conseguimos ganhar um set e disputar o último até às vantagens e isto para o Leixões foi muito bom".

 

CAT vence torneio no escalão de juniores

 

Para além dos jogos do escalão sénior, também os escalões inferiores tiveram oportunidade de competir com outras equipas neste torneio. Em Infantis a equipa do Castelo da Maia sagrou-se campeã ao vencer o CAT na final por 3-0. O ASS Mamede arrecadou o terceiro lugar, já que venceu o CD Póvoa por 3-1. Nos primeiros jogos o CAT tinha vencido o CD Póvoa por 3-1 e o Castelo da Maia tinha batido o ASS Mamede pelo mesmo resultado.

Em Juvenis o Arcozelo conquistou o primeiro lugar com duas vitórias, a primeira sobre o CAT pela margem máxima e depois sobre o ASS Mamede, segundo classificado, por 3-2. A Juventude Pacense arrecadou o terceiro lugar depois de vencer o CAT por 3-0.

O CAT conseguiu impor-se no escalão de juniores ao ficar em primeiro lugar, com vitórias sobre o Castelo da Maia, por 3-0 e sobre o Vilacondense por 3-1, este na final. O Fiães acabou por ficar em quarto lugar, depois das derrotas frente ao Vilacondense e Castêlo da Maia.

 

Campeonato começa este mês

 

Apesar de o início do campeonato da Serie A1 Feminina estar marcado para 13 de Outubro, o CAT tem a sua primeira partida em casa, no Pavilhão de S. Romão do Coronado, a 21 de Outubro, às 17 horas, frente às gondomarenses do ALA Gondomar, deslocando-se