Pensando tratar-se de familiares, uma sénior, moradora em Santiago de Bougado, entregou a um casal de burlões, dinheiro e um cordão de ouro, num valor global de 2150 euros.

 O relógio marcava 15 horas desta segunda-feira, quando uma senhora, com cerca de 70 anos, foi abordada por um casal, acompanhado por duas crianças, quando se encontrava próxima da habitação, situada na Rua do Outeirinho, em Santiago de Bougado. Num discurso coerente, o casal apresentou-se como sendo seus primos e o elemento feminino, que aparentava ter cerca de 40 anos, terá dito à senhora que estava emigrada em França junto da sua filha, tendo-se referido ainda ao nome e o local onde estaria emigrada.

No decorrer da conversa, o casal contou que a filha da idosa lhes teria pedido para falar com a mãe, para que esta enviasse dinheiro. A septuagenária não desconfiou de nada e, depois de ter ido a casa, entregou-lhes 650 euros em dinheiro e um cordão em ouro, no valor de 1500 euros.

No final, tudo não passou de um esquema bem montado pelo casal, que burlão a idosa esta segunda-feira, 1 de julho. O caso está entregue à Guarda Nacional Republicana (GNR) da Trofa, que está a investigar.

 

Homem importuna sexualmente duas mulheres

Duas mulheres foram importunadas sexualmente por um homem, quando circulavam via pública. O caso aconteceu na tarde de quinta-feira, 27 de junho.

Uma mulher, de 50 anos, seguia, pelas 13.30 horas, na Rua D. Pedro V, em S. Martinho de Bougado, quando um homem, com cerca de 40 anos, a abordou, apalpando-lhe os seios e colocou-se de imediato em fuga apeada. Situação idêntica ocorreu três horas mais tarde, mas na Rua Santa Bárbara, também em S. Martinho de Bougado, quando o homem se aproximou de uma jovem de 17 anos e repetiu a aborbagem.

Um dos assédios ficou registado nas imagens de vídeo vigilância de uma das lojas das imediações.

As vítimas apresentaram queixas na GNR da Trofa e o caso seguiu para Tribunal. 

Furtam ferramentas e tampas metálicas

Duas aparafusadoras, uma lixadeira e duas rebarbadeiras. Estas foram algumas das várias ferramentas profissionais furtadas, durante a tarde do dia 26 de junho, do interior de um anexo de uma habitação, situada na Avenida de S. Gens, no Muro.

Para terem acesso ao interior do anexo, os indivíduos estroncaram uma porta metálica e furtaram as várias ferramentas profissionais, no valor global de 4500 euros.

Já durante o dia 21 de junho, foram furtadas seis tampas metálicas das condutas da Portugal Telecom, que se encontravam na Rua das Camélias, em Alvarelhos. O furto está avaliado em 1100 euros. 

GNR deteve cinco infratores

Na última semana, a Guarda Nacional Republicana da Trofa deteve um pessoa por conduzir um ciclomotor sem habilitação, outra por posse ilegal de arma branca, uma por desobediência à autoridade por conduzir um veículo apreendido e dois por conduzirem sobre o efeito de álcool. Estes últimos conduziam um ciclomotor com uma taxa de 1.7 e 2.13 gramas de álcool por litro de sangue, respetivamente.