Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal da Trofa 

Este é um período em que a maioria da população portuguesa goza uns merecidos dias de férias. Infelizmente o aumento do custo de vida e do desemprego, fruto das opções politicas dos últimos governos do PS e do PSD/CDS, não permitem que a maioria dos trofenses vá para um daqueles destinos paradisíacos. A esmagadora maioria vê-se obrigada a passar as suas férias no próprio concelho.

 É também uma altura em que regressam muitos emigrantes e em que somos visitados por centenas de pessoas de outros concelhos, particularmente por alturas das principais romarias do concelho.

Por estar preocupado com a vinda destes forasteiros, com a necessidade de os acolher e mostrar o belo concelho a cuja Câmara Municipal V/Exa. preside, mas também porque me parece justo exigir uma informação clara e rigorosa aos trofenses que lhe dirijo estas palavras. 

Por iniciativa da Câmara Municipal da Trofa, foram investidos milhares de euros em cartazes por todo o concelho.

No entanto, julgo haver necessidade de rectificar a informação dos mesmos.

Por exemplo, no cartaz sobre o Metro, creio que seria muito mais correcto que o cartaz dissesse que o Metro até à Trofa está atrasado mais de 3 anos! Seria ainda mais esclarecedor se no mesmo cartaz constassem as fotos dos principais responsáveis por este atraso: primeiros ministros responsáveis por estes processos (Durão Barroso, Santana Lopes e José Sócrates); os ministros e secretários de estado (Carmona Rodrigues, Mário Lino e Ana Paula Vitorino) os principais responsáveis da Junta Metropolitana do Porto que sempre relegaram a Trofa para segundo plano (Valentim Loureiro, Narciso Miranda, Mário de Almeida e Rui Rio) e naturalmente a sua própria fotografia também teria lugar pelo facto de não ter conseguido conduzir da melhor forma todo este processo negocial. 

Relativamente ao cartaz da Variante Rodoviária, permita-me discordar da mensagem principal do mesmo. O problema não está resolvido, a Trofa continua dividida pela linha de caminho de ferro! O correcto era que o cartaz denunciasse que (por responsabilidade de governos do PS e do PSD/CDS) a Variante Rodoviária deveria estar concluída há 4 anos! 

Quanto ao prémio "boas práticas no sector público", sendo legitimo que qualquer entidade queira divulgar os seus méritos, estranho que não haja qualquer referência aos principais responsáveis pela conquista deste prémio: os funcionários da autarquia! Será que ainda vai a tempo de fazer esta rectificação nos vários cartazes? 

Por fim, senhor presidente da Câmara Municipal da Trofa, sugiro-lhe que considere a produção de mais dois tipos de cartazes. Um que lembre toda a gente que V/ Exa. prometeu na Campanha Eleitoral que a "Habitação Social estaria concluída em Novembro de 2005", mas quase dois anos depois as famílias carenciadas continuam à espera de habitação digna.

A outra proposta é a da realização de um cartaz que diga a todos os que por cá passam que a Trofa ainda não tem PDM próprio, apesar de V/ Exa. ter dito em tempos que estaria concluído em 2001. 

Como certamente sabe, muitos outros exemplos de promessas que V/ Exa. fez e estão por cumprir dariam cartazes bem mais belos… mas como também saberá, os recursos financeiros da Câmara Municipal merecem outra gestão.

Uma autarquia tem o dever de informar, a propaganda deve ser paga com o dinheiro dos partidos… 

Atenciosamente, 
 

Jaime Toga

http://jaimetoga.blogspot.com