O desafio foi lançado no dia 5 de dezembro, Dia Internacional do Voluntariado, a todos os trofenses que queiram promover o gosto pelo livro nas instituições do concelho.

“Voluntários da Leitura” é o nome do projeto desenvolvido pela autarquia da Trofa, que visa “envolver a cultura, a ação social e a dinamização da leitura”, acrescentando valor ao Banco Local de Voluntariado já existente com a área da animação do livro.

A iniciativa vai desenvolver-se “em duas vertentes”, ou seja, “as pessoas interessadas em efetuar leitura e atividades de animação nas instituições e entidades do Concelho podem inscrever-se na base de dados da Autarquia”, assim como “as instituições que queiram receber estes voluntários da leitura nas suas instalações, para momentos de recreação da leitura junto dos seus utentes”, explicou fonte da Câmara Municipal. As inscrições podem ser feitas na Casa da Cultura ou na Divisão da Ação Social da autarquia.

“A aprendizagem formal da leitura, como o aprofundamento das competências que a leitura envolve são largamente beneficiadas pelo apoio de voluntários que, lendo em voz alta ou acompanhando o esforço pessoal das crianças, dos jovens e até dos adultos promovam o gosto pelos livros e o prazer de ler”, acrescentou a mesma fonte.

Já para Sérgio Humberto, presidente da Câmara, “este projeto vai facilitar a promoção do gosto pelos livros, estimulando a criação de hábitos de leitura, reforçando o trabalho que a própria Autarquia tem vindo a desenvolver nesta área, numa parceria de proximidade com a Biblioteca Municipal e as bibliotecas escolares”.