chad-reforco-trofense

O último reforço do Trofense, o avançado brasileiro Charles Chad, disse hoje estar preparado para ajudar a sua equipa a manter-se no escalão máximo do futebol português.

Em conferência de imprensa, Charles Chad (ex-Ceará/ Brasil) descreveu-se como um avançado “forte”, que joga “bem em altura e nas zonas laterais” do terreno, tendo prometido ajudar o Trofense a manter-se na Liga principal.

“A missão de todos os atacantes é marcar golos e ajudar a equipa. Sou um atacante que joga na frente, junto à defesa adversária. `Driblo´ bem e remato bem com o pé direito, que é o meu forte. Também sou bom a jogar de cabeça. A maioria dos meus golos é de cabeça”, disse Charles Chad, de 27 anos.

Questionado sobre os seus objectivos como jogador da equipa da Trofa, Charles Chad disse estar preparado para contribuir para a manutenção do Trofense, adiantando até que gostava de ver o seu novo clube entre os melhores.

“O Trofense subiu agora de divisão e devemos ter calma e cautela. Ninguém é super-homem, mas, com tranquilidade e aperfeiçoando a cada treino, penso ser possível ajudar o Trofense a estar no meio da tabela e entre os grandes”, afirmou o jogador, que já esteve hoje às ordens do técnico Tulipa na sessão de treino.

Natural do Rio de Janeiro, Charles Chad já representou clubes portugueses entre 2000 e 2003. Primeiro no FC Porto “B” e Vilanovense, na altura na segunda Divisão B.

O seu currículo regista ainda passagens pelos brasileiros do Madureira, Olaria, Friburguense, Flamengo, Cabofriense e Ceará e nos venezuelanos do Aragua FC e Deportivo Mineiros de Guayana.

Trofense e Charles Chad assinaram um contrato válido por duas épocas e meia no início desta semana, depois do treinador Tulipa ter revelado que os “investimentos” em reforços deviam centrar-se no sector ofensivo.

{flvremote}http://trofa.otos.tv/videos/apresentacaocharles.flv{/flvremote}