PS e CDS aprovaram contrato-programa da TrofaPark
A autarquia apontou o mês de fevereiro para a extinção da empresa municipal TrofaPark. PSD criticou gestão da empresa municipal nos últimos três anos.

 Na aprovação dos contratos-programa para 2013 para as empresas municipais, na Assembleia Municipal, foi o da TrofaPark que deu mais que falar. Depois de se abster na atribuição de um subsídio de cerca de 997 mil euros à exploração da Trofáguas – os 13 elementos do PS viabilizaram a proposta e o CDS também se absteve -, o PSD repetiu o sentido de voto para o contrato-programa para a TrofaPark (PS e CDS votaram a favor), com um subsídio à exploração de dois meses, já que a autarquia pretende extingui-la nesse período. No entanto, os sociais-democratas não deixaram de apresentar um sentido de voto, que critica a gestão desta empresa municipal durante o mandato deste executivo.

Leia a reportagem completa na edição desta semana d’ O Notícias da Trofa, disponível num  quiosque perto de si ou por PDF.

{fcomment}