Começo do ano letivo na Trofa marcado por falta de manuais escolares, professores e pessoal auxiliar. As refeições escolares e a manutenção dos edifícios são outras das preocupações dos pais.

O ano letivo 2014/2015 teve início oficialmente no concelho da Trofa no dia 15 de setembro, mas há alunos, nomeadamente do pré-escolar, que ainda não têm professor, auxiliares, nem pessoas para apoiar nos serviços de limpeza.

Já no que diz respeito ao funcionamento de cantinas há casos em que existe apenas uma cozinheira e uma auxiliar, a cumprir quatro horas de trabalho, para fazer as refeições para 300 crianças, em escolas como Finzes e Cerro.

Leia a reportagem completa na edição nº 490 do jornal O Notícias da Trofa, disponível num  quiosque perto de si ou por PDF.