ourivesaria.jpg

 

 

 

 

 

A ourivesaria MC Jóias II, foi assaltada este domingo por cinco indivíduos, aparentando ter menos de 30 anos, que actuaram de cara tapada e com recurso a caçadeiras e outras armas de fogo. Desconhece-se o valor total do roubo.

Cinco indivíduos encapuzados assaltaram, este Domingo, cerca das 12 horas, a Ourivesaria M C Jóias II, no Trofashopping.

Os assaltantes munidos de armas de fogo, entraram no shopping, numa hora em que se encontravam muitos clientes e ameaçaram as pessoas obrigando-as a afastarem-se da ourivesaria. Lá dentro terão ameaçado a funcionaria, e terão partido todas as montras e roubando grande parte das jóias que se encontravam no interior da ourivesaria.

Depois de ameaçaram lojistas e clientes os indivíduos terão fugido para parte incerta utilizando um Opel Astra alegadamente roubado.

A Policia Judiciaria do Porto está já a investigar o caso, mas o facto de os indivíduos terem actuado de cara coberta poderá dificultar a acção policial.

Para já não é conhecido o montante do roubo, nem dos prejuízos causados mas deverão ascender a milhares de euros.

O NT sabe que poucos minutos antes do assalto, a GNR da Trofa terá recebido um falso alarme de derrame de óleo na estrada nacional 14, o que poderá estar relacionado com o assalto, colocando-se a hipótese de ser uma “manobra” para colocar a patrulha longe do local onde os indivíduos perpetraram o roubo.

Automóvel roubado em S.Gens

 

Dois indivíduos encapuzados e armados com arma de fogo ameaçaram o proprietário de um veículo e levaram-lhe o carro, na madrugada de quarta-feira, cerca da uma hora, no Monte de S.Gens, em Santiago de Bougado.

Os assaltantes utilizaram então o carro roubado para fugir até Vila do Conde, mais concretamente até Fornelo onde, cerca de 30 minutos mais tarde, voltaram a cometer idêntico crime.

Nesta localidade, segundo a GNR, os dois assaltantes deixaram a viatura roubada na Trofa e fugiram numa outra, mas sem agredir os respectivos proprietários.

Recorde-se que há cerca de duas semanas dois indivíduos tinham já levado a cabo outros assaltos no mesmo local, aproveitando o facto de serem às dezenas, os veículos que durante a noite permanecem nas imediações do Monte de S.Gens, tornando-se presas fáceis para os assaltantes.