Idosos que frequentam instalações da ASAS vão estar mais informados sobre as questões relacionadas com o consumo.

Os utentes da ASAS (Associação de Solidariedade e Acção Social) ganharam uma nova valência, onde vão ter a oportunidade de “esclarecer dúvidas, perceber como funciona a venda de bens de consumo, bem como as respetivas garantias”. O vice-presidente da Câmara Municipal da Trofa, José Magalhães Moreira, inaugurou na quarta-feira, 20 de julho, o sétimo Cantinho do Consumidor Idoso do concelho.

O autarca lembrou ainda que todos os utentes do Centro Comunitário da associação poderão ser “esclarecidos sobre contratos à distância, vendas ao domicílio, contratos de crédito e vendas com defeito”. “Todo um leque de situações, em que precisem de apoio ou aconselhamento”, reiterou.

A cerimónia de inauguração ficou marcada pela assinatura do protocolo entre a edilidade trofense e a ASAS e a colocação de uma pequena caixa, devidamente identificada, onde os utentes poderão colocar as suas dúvidas que, posteriormente, serão tratadas pelos técnicos do CMIC (Centro Municipal de Informação ao Consumidor).

No futuro, “serão agendadas sessões de esclarecimento com os utentes do centro de dia da ASAS, para que os técnicos da autarquia possam explicar mais aprofundadamente todas as dúvidas que estes possam ter relacionadas com o consumo”.

O Cantinho do Consumidor Idoso é o resultado da “atenção que a Câmara Municipal tem dispensado à defesa dos direitos dos frequentadores de lares e centros de dia”, relembrou José Magalhães Moreira.

{fcomment}