trofauto coloquio.jpg

 

 

 

 

“Sector Automóvel em Portugal – novas metas e desafios” serviu de mote para o seminário de comemoração dos 45 anos da Trofauto – Comercio e Industria Automóvel, Lda

Há 45 anos que a Trofauto está “sobre rodas”. Esta empresa, instalada no concelho da Trofa, foi fundada em 1961 por António Silva, mais conhecido como António da Trofauto e assinala este ano os seus 45 anos, já sob a gerência de Pedro Curval, o filho do fundador.
Na sexta-feira passada e no âmbito das comemorações do seu 45 o aniversário, a Trofauto reuniu no Cine Nova Trofa, funcionários, colaboradores e amigos num seminário cujo tema principal foi o sector automóvel em Portugal, as novas metas e os desafios para 2006.
A fiscalidade automóvel, o papel do financiamento, a importância da rede de distribuição foram apenas alguns dos temas abordados por nomes sonantes do mercado automóvel como é o caso de Hélder Pedro da ACAP- Associação do Comercio Automóvel de Portugal, João Pedro Oliveira, coordenador da rede Opel em Portugal e António Barreiros do Finicredito.
Por seu lado o vice-presidente da AEP- Associação Empresarial de Portugal, José Manuel Fernandes, aproveitou para insistir na necessidade de “competir pela inovação”, apelando aos empresários portugueses, mas sobretudo aos do Baixo Ave para “apostar na criação de valor acrescentado nos seus produtos, apostando nas novas tecnologias e na qualificação de recursos humanos”. Para o empresário é importante apostar em sectores como a metalurgia de precisão, na industria de componentes para automóveis pois são sectores em crescimento, colocando de lado os têxteis, já que os produtos dos países do oriente chegam à Europa a baixos preços, não dando hipóteses aos empresários europeus para competir”.
Pedro Curval, gerente da Trofauto apontou “a qualidade no relacionamento com o cliente como um dos factores que contribuiu para o sucesso da empresa. Temos vindo a afirmar a nossa posição no mercado graças à credibilidade e muito empenho que temos colocado na relação com os nossos clientes, alguns dos quais nos acompanham desde a criação da empresa, há 45 anos”, frisou.
A homenagem ao fundador foi o momento mais emocionante da festa com os funcionários a oferecerem uma lembrança a António Silva. Mas as lembranças não ficaram por aqui já que também Manuel Pontes e Bernardino Vasconcelos enquanto presidente da AEBA e da Câmara Municipal, fizeram questão de homenagear o empresário, oferecendo-lhe uma lembrança.
Em dia de festa também a Trofauto homenageou quatro dos seus mais antigos funcionários, um dos quais quase tão antigo como a própria empresa.

Aniversario assinalado de forma original

Um passeio de helicóptero foi a forma original que a Trofauto escolher para encerrar as comemorações do seu 45º aniversário. O preço da viagem é de 20 euros por pessoa e as receitas revertem a favor da APPACDM da Trofa e do Lar da Santa Casa da Misericórdia da Trofa.
O heliporto de onde vai partir o helicóptero estará instalado junto às instalações da Trofauto e do Atlético Clube Bougadense, em Santiago de Bougado e as viagens vão decorrer entre as 14 e as 17 horas.
A viagem terá a duração de aproximadamente 10 minutos e será efectuada sobrevoando os concelhos da Trofa e Santo Tirso.
No final todos os participantes terão direito a um certificado de voo.