No sábado, 27 de abril, às 21.30 horas, o Grupo Vitae Teatro sobe ao palco do polo de S. Martinho da Junta de Freguesia de Bougado para apresentar a peça “Alguém terá de morrer”. Trata-se de uma obra de Luiz Francisco Rebello, encenada por Luís Moreira e dada a conhecer pela primeira vez no concelho Trofa.

O convite foi endereçado pelo grupo de jovens trofense “Gera´Esperança” e os bilhetes já se encontram à venda nas redes sociais do grupo de jovens “Gera´Esperança” e no cartório paroquial de S. Martinho de Bougado.

As receitas obtidas revertem para as atividades do grupo Gera‘Esperança, que espera casa cheia neste espetáculo.

Esta não será a primeira vez que a companhia de teatro se apresenta no concelho. Já em 2017, apresentou a comédia “A Partilha de Herdeiros”, enchendo o mesmo espaço onde agora regressa.

Longe da comédia, desta vez, os artistas prometem outras emoções, procurando retratar situações mais difíceis do quotidiano. “A vida revela um jogo violento e sem tréguas. Em apenas uma noite, os segredos e os ressentimentos que cada um guarda pelo outro e correm o sério risco de serem revelados. Conseguirá esta família manter-se unida ou será cada um por si? Afinal, perante a morte, ninguém quer ficar calado”, pode ler-se na sinopse da peça.