cortejo-Alvarelhos 

Cortejos de Alvarelhos, organizados pelas Aldeias de Nascente, decidiram comemorar mais cedo o Carnaval e, porque nesta época ninguém leva a mal, os carros alegóricos com o novo edifício dos Paços do Concelho e os casamentos homossexuais foram os pontos altos do desfile.

Com as notas pregadas aos fatos, mais de 300 moradores das Aldeias do Nascente da freguesia de Alvarelhos desfilaram, este domingo, até à Igreja Matriz da freguesia. O objectivo de angariar fundos para as obras realizadas na Igreja foi mais uma vez cumprido, mas o montante ainda não foi contabilizado. “Tivemos uma boa participação da população que deram o dinheiro dentro dos possíveis”, afirmou Bernardino Silva, um dos membros da organização das Aldeias de Nascente.

Estas aldeias decidiram comemorar mais cedo o Carnaval e porque nesta época ninguém leva a mal, os carros alegóricos com o novo edifício dos Paços do Concelho e os casamentos homossexuais foram os pontos altos do desfile. Assim “porque era Carnaval” decidiram brincar “com assuntos da actualidade”. Resolveram a questão da construção da Câmara, que desfilou edificada em cima de um tractor e trouxeram um padre que casou os homossexuais ao longo do percurso.”O objectivo era angariar dinheiro para as obras da Igreja e manter a tradição que já vem desde os anos 50″, explicou Bernardino Silva.

Entre os participantes que desfilaram com trajes de época, duas fanfarras animaram a festa: a dos Bombeiros Voluntários de Moreira da Maia e a do Grupo de Zés Pereiras de Barcelos.

Os Cortejos na freguesia de Alvarelhos começaram no dia 7 de Fevereiro e terminam a 7 de Março. Esta iniciativa realiza-se todos os domingos e começa pelas 14 horas nos diferentes lugares da freguesia e termina na Igreja cerca das 14.30 horas. É um mês para reviver as tradições e angariar mais fundos para pagar a dívida das obras realizadas na Igreja da freguesia. Dos 302 mil euros gastos na empreitada, constam 42 mil euros contraídos pela paróquia num empréstimo para terminar as obras.

No próximo domingo o cortejo é organizado por Cidoi e a 28 de Fevereiro pelo lugar de S. Roque. No último dia, 7 de Março, o cortejo é organizado pelo lugar dos Casais.