Valéry Giscard D'Estaing, ex-presidente francês, referiu estar "optimista" em relação à possibilidade do novo tratado reformador da União Europeia (UE) ser aprovado no próximo Conselho Europeu, que terá lugar em Lisboa, elogiando o trabalho da presidência portuguesa na condução das negociações do tratado reformador. Estas declarações foram proferidas no final da cerimónia na qual a Universidade Lusíada do Porto distinguiu Valéry Giscard D'Estaing com o título de Doutor Honoris Causa.

  A AEBA – Associação Empresarial do Baixo Ave foi convidada a participar, com a presença do presidente da  Direcção, Manuel Pontes, nesta cerimónia onde se realça a presença de altas individualidades académicas, políticas, empresariais e religiosas.

Durante o evento, Valéry Giscard D'Estaing esteve ladeado pelo chanceler das Universidades Lusíada, António Martins da Cruz, e pelo reitor da Universidade Lusíada, Diamantino Freitas Gomes Durão, incumbido de entregar as insígnias ao ex-presidente francês.

Nascido na Alemanha a 2 de Fevereiro de 1926, Valéry Giscard D'Estaing é um político francês, que exerceu o cargo de Presidente da República Francesa, de 1974 a 1981. Valéry Giscard D'Estaing. Giscard d'Estaing estabeleceu o Conselho Europeu como instituição europeia, trabalhou em estreita colaboração com o Chanceler socialista alemão Helmut Schmidt na promoção da União Económica e Monetária e introduziu o Espaço Jurídico Europeu.