Jogos tradicionais, concursos e atuações marcaram mais uma edição da Montra de Espantalhos que decorreu na tarde de domingo, dia 27 de maio, em Cidai. 

“Manter vivas algumas tradições”, ao mesmo tempo que angaria verbas, foi o principal objetivo da Associação Cultural Recreativa e Social de Cidai (ACRESCI), ao protagonizar mais uma edição de Montra de Espantalhos. Jogo da malha, Sai Sapo, Malha ao Meco, Campeonato da Sueca e Salto ao panelo foram os jogos tradicionais que marcaram o início da atividade, que contou com as atuações do Grupo de Tradições Infantis e Amigos da Borga.

Durante a tarde, também houve os concursos Apanha do porco ensebado e o melhor espantalho tradicional, que foram premiados. Numa tarde de festa, onde a animação não faltou, a comunidade pôde ainda ajudar a associação ao petiscar na Barraquinha de Comes e Bebes, que a ACRESCI tinha à disposição. Relativamente ao ano passado, José Carlos Costa, presidente da ACRESCI, considerou que a atividade deste ano contou com “mais visitantes e participantes”, sendo que o balanço só poderia ser “bastante positivo”. 

Esta foi a segunda vez que a associação organizou a Montra de Espantalhos, para dar “continuidade” à atividade que foi desenvolvida na extinta EB1 de Cidai. “Um dos objetivos da ACRESCI é manter vivas algumas tradições e continuar a passar estes testemunhos, como os jogos tradicionais. Também é importante a sobrevivência da própria associação, que no fundo vive sempre destas iniciativas, para que depois tenha verbas para a realização de outras atividades”, explicou o presidente. O Arraial do S. João, na noite de 23 de junho, é o próximo evento desta associação. Dado o sucesso desta noitada, que contou com um “balanço bastante positivo” devido à boa afluência da comunidade, a ACRESCI decidiu repetir a proeza de organizar mais uma edição do Largo Manuel Canejo até à Rua da Fonte da Gregossa. 

{fcomment}