“24 Horas de puro movimento associativo” foi o nome da iniciativa que o Clube Slotcar da Trofa promoveu, no fim de semana de 9 e 10 de junho. 

Bem cedo, pelas 9 horas de sábado, a direção do clube delineava estratégia para as 24 horas que se iriam seguir de non stop de atividades, ao mesmo tempo que ultimava os preparativos  com alguns voluntários, para que tudo estivesse preparado ao pormenor. 

Ao início da tarde, foi oficialmente inaugurada uma nova pista de slotcar, que permitiu a disputa de uma prova, com seis equipas composta entre três a quatro elementos cada, marcada pela presença de vários “slotistas” vindos de Braga, que se juntaram aos atletas do clube da Trofa, para experimentarem a adrenalina deste novo traçado. José Manel, atleta do clube, que será um dos integrantes da equipa que se deslocará a Milão no próximo dia 22 de junho para a 2ª prova do campeonato da Europa, fez questão de salientar que “esta nova pista vai proporcionar aos associados melhores condições de treino, ao mesmo tempo que certamente trará à Trofa mais apaixonados da modalidade, pois não existe nenhuma pista semelhante no Norte de Portugal”. “Estamos muito satisfeitos, pois, hoje, foi o culminar de várias semanas de trabalho, todo ele executado por nós e por isso o valor do que aqui temos é a dobrar”, afirmou. 

Ao final da tarde, uma tela gigante, com várias cadeiras à frente, convidava todos os que entravam na sede do clube a assistir ao Portugal-Alemanha, por entre uns desafios nas mesas de bilhar, nos momentos de algum nervosismo que antecediam o grande desafio. Os 90 minutos foram recheados de muita algazarra e emoções e terminaram com a desilusão pela derrota por 1-0 mas, ao mesmo tempo, com esperança na qualificação, pela boa exibição da seleção Portuguesa – opinião partilhada nas conversas dos cerca de quatro dezenas de pessoas presentes.

À noite, e novamente no piso inferior das instalações, foi a vez dos mais novos, da secção de vídeojogos, darem início a uma “noitada” de Couter-Strike e League of Legends vindos de várias cidades limítrofes, era vê-los entrar aos grupos nas instalações do clube, com os seus computadores e acessórios de jogo debaixo dos braços.

Tiago Azevedo, responsável por este evento, mostrava-se contente com a adesão: “São quase meia centena de computadores acompanhados por outros tantos monitores, num espaço que ainda hoje de manhã estava apenas com mesas e as ligações básicas. As condições que o clube proporciona são mesmo fantásticas, sinto que isto está mesmo a crescer”.

João Pedro Costa, presidente da direção, na manhã de domingo, estava satisfeito com a forma como se desenrolou a iniciativa: “Foram quase duas centenas de pessoas que entraram na nossa sede para engrandecer o nosso trabalho associativo, divertiram-se, passaram bem o seu tempo, e isso deixa-nos satisfeitos”. “Outras grandes manifestações associativas estão a ser preparadas, a próxima, a ida a Itália representar em Slotcar a Trofa   o nosso País, depois o masters de bilhar da Trofa por nós organizado, que vai juntar 16 talentos do bilhar da região durante quatro fins de semana e, para meados de julho, a 4ª edição das ‘24 Horas de Slotcar da Trofa’ vai ser uma realidade”, concluiu. 

No ambiente vivido, os resultados das competições eram visivelmente secundários e foi com sucesso que encerrou mais uma iniciativa promovida por esta associação trofense que viu recentemente renovada a sua integração como associação juvenil, reconhecida pelo Instituto Português do Desporto e Juventude.

{fcomment}