O já despromovido Trofense e Santa Clara empataram esta quarta-feira 0-0, em jogo da 43.ª jornada da II Liga, que materializa a manutenção dos açorianos e remete os nortenhos cada vez mais para último.

Num jogo em que as defesas se superiorizaram em tudo aos setores de ataque, era notório desde o início que frente a frente estavam uma equipa que já não tem nada a perder, o Trofense, e uma com a aspiração de sedimentar o alívio de ficar acima da ‘linha de água’.

Com este resultado no reduto do lanterna-vermelha, já matematicamente despromovido ao Campeonato Nacional de Seniores, e com o empate (1-1) do Atlético, nesta mesma jornada, na receção ao Beira-Mar, o Santa Clara garante a manutenção quando faltam disputar três jogos.

A primeira parte ficou marcada praticamente por um único lance de perigo que quase fazia os açorianos inaugurar o marcador, muito por culpa da desatenção de Jairo. Tiago Ronaldo cabeceou, após centro de Ludovic, obrigando o guardião da casa a defesa apertada (04 minutos).  

Apesar do início auspicioso, foi preciso esperar pelo segundo tempo para novas abordagens à baliza: Amoreirinha atirou por cima, aos 67, e Davide de cabeça, após cruzamento de Vitinha, atirou ao lado, aos 75

Desmoralizado, o Trofense parecia perdido em campo, ainda que Hélder Sousa tentasse a custo empurrar a equipa para a frente. Só nos descontos (90+2) é que João Pedro assinou um lance para o conjunto da Trofa com um remate muito forte que ‘raspou’ a barra da baliza do Santa Clara.

Jogo no Estádio do CD Trofense, na Trofa.

Trofense – Santa Clara, 0-0.

Equipas:

– Trofense: Rui Santos, André Teixeira, Cláudio, Jairo, André Pires, Bruno Simões (Rateira, 55′), Micael Babo, Tiago (Nanissio, 46′), Hélder Sousa, Simãozinho (Rafael Silveira, 72′) e João Pedro. 

(Suplentes: Ricardo, Mateus Fonseca, Nanissio, Miguel Ângelo, Rafael Silveira, Rateira e Dário).

Treinador: Vítor Oliveira.

– Santa Clara: Serginho, Mike, Amoreirinha, Materazzi, Paulo Henrique, Pacheco (Vitinha, 46′), Jimmy, Clemente, Tiago Ronaldo, João Ventura (Davide, 64′) e Ludovic (Nuno Silva, 58′).

(Suplentes: Serginho, Accioly, Malafaia, Davide, Ruizinho, Nuno Silva e Vitinha).

Treinador: Filipe Gouveia.

Árbitro: Ricardo Lourenço (Portalegre).

Ação disciplinar: cartão amarelo para André Teixeira (23′), João Ventura (34′), Pacheco (38′), Micael Babo (68′), Jimmy (70′), Rateira (84′) e Nanissio (88′).

Assistência: Cerca de 150 espectadores.