Cerca de 30 jovens participaram na ação de limpeza nacional, a 22 de setembro, em território trofense.

Divididos em dois grupos, os voluntários recolheram lixo em S. Martinho de Bougado e Muro, enchendo “sete sacos de 240 litros de resíduos”, adiantou ao NT a representante Liliana Moreira.

“O lixo que mais encontramos foi, sem dúvida, pontas de cigarros, seguido de plástico (sacos, caixas de cigarros, copos e garrafas). No centro da cidade, o lixo era maioritariamente beatas, enquanto que na zona da periferia, locais mais rurais, encontraram-se mais garrafas e latas e outros resíduos de maior dimensão”, referiu.

Além da valia da ação propriamente dita, os voluntários não esconderam a “gratidão” pelas “mensagens de encorajamento” que receberam nas ruas, assim como o testemunho de pais “que aproveitaram para parar e explicar às crianças o que ‘os meninos’ estavam a fazer”.

“Assumimos que foi um total sucesso esta primeira edição. Em duas horas e meia um grupo tão pequeno ter recolhido imenso lixo é prova de que ainda há muito trabalho a fazer na educação e sensibilização ambiental das nossas comunidades. E o objetivo deste projeto é exatamente esse, contagiar pela ação”, concluiu Liliana Moreira.

Fotos: CMTrofa