O Tribunal Central Administrativo do Norte (TCAN) negou provimento ao recurso apresentado pela Câmara Municipal da Trofa sobre a sentença do Tribunal Administrativo e Fiscal de Penafiel, que declarou nulas as deliberações tomadas na reunião do Conselho Municipal de Juventude (CMJ) de 9 de dezembro de 2017.

O processo jurídico foi desencadeado pelo Clube Slotcar da Trofa, membro efetivo do CMJ, que alegou não ter recebido a convocatória para aquela reunião com a antecedência prevista no Regimento do Conselho Municipal de Juventude, ou seja, com “pelo menos, cinco dias de antecedência”.

Leia a notícia completa na edição 707 do jornal O Notícias da Trofa, já nas bancas.