Depois de chegar à final da Taça de Portugal de setas, o Grupo Cultural e Recreativo de Alvarelhos pensa já na possibilidade de disputar as finais nacionais.

Mário Maia, Raul Paiva, Domingos Salgado e João Lomba formaram a equipa do Grupo Cultural e Recreativo de Alvarelhos que participou na final da Taça de Portugal de setas. A prova decorreu no sábado, nas Caldas da Rainha, processando-se por eliminatórias.

Ao todo, foram16 equipas compostas por quatro elementos, mais um suplente. A competir pela primeira vez este ano, os atletas de Alvarelhos foram afastados na primeira eliminatória depois da derrota por 17-15 frente a uma equipa do Seixal.

Ainda assim, Nilton Maia, responsável da coletividade, mostrou-se satisfeito: “Acabamos em 10º lugar, já que somamos mais pontos (12) que as restantes equipas que também foram eliminadas na primeira fase”.

A Taça acabou por ir parar ao concelho vizinho, já que a equipa vencedora foi a dos Bombeiros Voluntários de Santo Tirso.

Na terça-feira, o GCR de Alvarelhos vai disputar um jogo importante: a vitória permite alcançar o 2º posto da classificação da 2ª Divisão do Campeonato Nacional, catapultando a equipa para as finais nacionais que vão ter lugar em Setúbal, nos dias 2, 3 e 4 de junho.

Em Alvarelhos, a modalidade surgiu em outubro do ano passado, “quase sem treinos, depois de três jogadores terem lançado o desafio à associação”.

 

{fcomment}