Laboratório de ciências na EB 2/3 Professor Napoleão Sousa Marques

Os microscópios, o erlenmeyer, os esguichos, as buretas e o almofariz já estão prontos a serem utilizados pelos alunos da Escola Básica 2/3 Professor Napoleão Sousa Marques. Os materiais já estão no laboratório de ciências, projeto vencedor da primeira edição do Orçamento Participativo Jovem, que foi inaugurado esta segunda-feira, 22 de julho.

Regina Silva fez parte do grupo de jovens que, em 2011, se uniu para se candidatar ao Orçamento Participativo Jovem (OPJ) com o objetivo de dotar a EB 2/3 Professor Napoleão Sousa Marques com um laboratório de ciências.

“Estávamos no 8º ano e na disciplina de física e química precisávamos de aprender a parte prática, mas as condições ficavam muito aquém das bases que necessitávamos para o 10º ano. Como tínhamos um défice muito grande de material, tivemos a ideia de apresentar a proposta de criarmos um laboratório para que os próximos colegas usufruíssem”, contou a jovem, na manhã de segunda-feira, altura da inauguração do projeto que, a par do parque geriátrico, dos escuteiros de Santiago Bougado, foi o vencedor da primeira edição do OPJ.

O projeto, de âmbito escolar, contou com uma verba de 7500 euros para ser posto em prática. Dois anos depois, a ideia dos jovens concretizou-se e, apesar de já não poder usufruir, Regina considera importante deixar este legado. “Quando comecei com esta proposta, eu sabia que não ia estar pronta a tempo de eu poder usufruir, mas continuei e aqui está ela para os meus colegas. Tenho a certeza que lhes vai dar muito jeito para adquirir bases para o 10º ano”, sustentou.

Leia a reportagem completa na edição desta semana d’ O Notícias da Trofa, disponível num  quiosque perto de si ou por PDF.