quant
Fique ligado

Trofa

Santo Tirso e Trofa são os concelhos em que menos água se perde na rede

Publicado

em

Os resultados nacionais divulgados pelo regulador do setor da água destacam Santo Tirso e Trofa como os concelhos com menores perdas de água na rede de abastecimento pública. A eficiência da operação da INDAQUA Santo Tirso/Trofa garantiu, em 2020, perdas de apenas 8,9%.

Escassez de água e seca são dois cenários climáticos que, cada vez mais, trazem preocupações a Portugal. Contudo, o país continua a desperdiçar 28,7% da água que entra nas redes de abastecimento. A média nacional é apontada pelo mais recente relatório da Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR), que comprova ainda que, em Santo Tirso e Trofa, apenas 8,9% da água foi perdida, durante o ano de 2020.

Pela quarta vez nos últimos cinco anos (apenas em 2019 foi destronada por Vila do Conde), Santo Tirso e Trofa lideram o ranking nacional apresentado pelo regulador como os municípios onde menos água se desperdiça na rede de abastecimento pública. O volume de perdas destes concelhos tem sido reduzido a cada ano e está atualmente a grande distância dos 57% registados em 1999, ano de início de atividade da INDAQUA Santo Tirso/Trofa. A diferença entre esse valor (57%) e aquele que agora se regista (8,9%) é equivalente a uma poupança de água suficiente para abastecer estes concelhos ao longo de 6 meses.

“Sabíamos já que o volume de perdas alcançado em 2020 espelhava a forma como o combate ao desperdício de água na rede é uma missão assumida diariamente pela INDAQUA Santo Tirso/Trofa. Agora, os dados nacionais publicados pelo regulador renovam a certeza de que a eficiência da nossa operação tem resultados de referência em Portugal e também a nível internacional”,afirma Anabela Alves, Diretora Geral da INDAQUA Santo Tirso/Trofa.

Os resultados alcançados pela INDAQUA Santo Tirso/Trofa têm origem num trabalho diário e próximo no controlo das redes de abastecimento, identificando e retificando pontuais constrangimentos, como fugas ou roturas, e também garantindo maior eficácia no registo de consumos, o que evita roubos ou desvios de água que foi tratada e transportada para ser totalmente segura para consumo humano.

As concessões municipais operadas pela INDAQUA em 2020 (Fafe, Matosinhos, Oliveira de Azeméis, Santa Maria da Feira, Santo Tirso, Trofa, Vila do Conde) registaram um volume de perdas médio de apenas 13,9%. Apesar de ainda não divulgada pela ERSAR, a performance de 2021 manteve-se em linha com o ano anterior, com perdas a rondar os 14%.

Publicidade
Continuar a ler...

Trofa

Sérgio Humberto foi eleito presidente da distrital do Porto do PSD

Sérgio Humberto, único candidato a presidente da distrital do Porto do PPD/PSD do Porto, a maior a nível nacional, foi eleito com 95% dos votos.

Publicado

em

Por

Sérgio Humberto, único candidato a presidente da distrital do Porto do PPD/PSD do Porto, a maior a nível nacional, foi eleito com 95% dos votos. A restante percentagem foi dividida em 4% em votos em branco e 1% de nulos.

“Acredito que com trabalho, muito trabalho, vamos conseguir devolver a esperança às nossas populações, e, concretizar a revolução laranja que o que o nosso Distrito anseia”, foram estas as primeiras palavras de Sérgio Humberto, aos militantes que encheram por completo o auditório da Distrital Os o encerramento das urnas e continuou:

Aquilo que vos prometo é muito trabalho e dedicação. E garantir-vos que esta será, uma distrital do PPD/PSD do Porto, incómoda para os nossos adversários partidários, porque o nosso foco, estará no serviço às nossas gentes, na concretização dos sonhos das nossas populações, e no servir o Distrito do Porto.

Aumentar o numero de militantes ativos e envolver a sociedade civil na vida do partido está também nos horizontes da nova comissão politica distrital social-democrata. Vencer as eleições autárquicas no distrito e pegar em temas esquecidos, e de elevada relevância tanto para o distrito como a nível nacional, faz parte do seu programa de ação

“O primeiro objetivo é ganhar mais câmaras, mais juntas de freguesia, mais assembleias municipais, Temas como, por exemplo, O Eixo Atlântico, as relações com a Galiza, como é o não exemplo do Infarmed, TAP e assuntos que ainda não foram falados, como por exemplo o Aeroporto Francisco Sá Carneiro, que precisa de obras, e porque não falar de um novo aeroporto nesta região, serão chamados à discussão por esta comissão politica”.

Sérgio Humberto recordou a Distrital do Porto tem cerca de dois milhões de habitantes e que é um território altamente produtivo e, portanto, muitas vezes não é compensado pelo Estado Central, que só vê Lisboa.

“Vou liderar uma equipa motivada e capacitada, para desenvolver um trabalho de proximidade, estruturando caminhos para um futuro mais próspero e mais liderante no nosso Distrito do Porto., concluiu o novo líder social-democrata.

Publicidade
Continuar a ler...

Trofa

Ângela Moreira recandidata à Estrutura Concelhia das Mulheres Socialistas

Publicado

em

Por

Ângela Moreira apresentou, a 17 de setembro, a recandidatura à Estrutura Concelhia das Mulheres Socialistas – Igualdade e Direitos da Trofa (MS-Trofa).
No auditório da Junta de Freguesia de Bougado, em Santiago, a socialista de 37 anos contou com o apoio de dezenas de militantes, a quem garantiu ter conseguido “afirmar e credibilizar” a estrutura. “Volvidos dois anos, deixamos uma marca de proximidade, lealdade, trabalho e envolvimento profundo com todas as estruturas locais do Partido Socialista e na sociedade civil”, referiu a bougadense.
No mandato liderado por Ângela Moreira, a estrutura concelhia de MS-Trofa realizou várias iniciativas solidárias, como “a confeção e entrega de máscaras, apanha de fruta e recolha de produtos de higiene pessoal para doar a associações do concelho”. “Participamos em atividades de movimentos cívicos, assinalamos o Dia Internacional da Mulher, o Dia da Árvore e da Poesia e o 25 de Abril, data em que homenageamos os militantes do Partido Socialista mais antigos do concelho. Apostamos ainda na formação e na publicação de artigos como forma de empoderamento das mulheres trofenses”, acrescentou.
Para um segundo mandato, Ângela Moreira propõe-se a motivar mais mulheres na vida política e a ajudar o Partido Socialista “a fazer política com respeito, seriedade e responsabilidade”. “Vamos continuar a mostrar que o que nos move é a Trofa, os trofenses e os seus interesses”.
Ângela Moreira afirma ainda que o projeto que tem como slogan “Junt@s Avançamos” visa contribuir para construir “uma sociedade mais justa, igualitária, solidária e baseada nos valores socialistas”.
As eleições decorrem a 8 de outubro em todas as concelhias do distrito do Porto, data em que serão também eleitos os órgãos das secções e concelhias do partido.

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também

} a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);