Ruas Abade Inácio Pimentel, Costa Ferreira, João Paulo II, Poeta Cesário Verde e Armindo Costa Azevedo Júnior receberam a última edição do ano do Trofa em Festa, no domingo, 22 de dezembro.

A Fanfarra de Santa Maria de Alvarelhos deu o pontapé de saída para um conjunto de atuações de rua, que começou na Rua Armindo Costa Azevedo Júnior, junto ao café Sagitário, seguindo pela Rua Cesário Verde, perto do Grão d’Aroma, passando pelas ruas João Paulo II e Costa Ferreira, e terminando na Rua Abade Inácio Pimentel. O périplo pelas ruas continuou com os ranchos folclóricos da Trofa e de Alvarelhos, que desejaram as boas festas. Também houve momentos musicais ao som do violino e interpretações musicais, pela voz de Márcia Azevedo.

Estas foram algumas das iniciativas da última edição do ano da iniciativa “Trofa em Festa”, promovida pela AEBA – Associação Empresarial do Baixo Ave. Durante a tarde de domingo, além dos concertos de rua, houve teatro e animação com dois modeladores de balões. E como estamos na época natalícia, o Pai Natal também não faltou à chamada.

Segundo a AEBA, com estas iniciativas pretende-se “promover a notoriedade da cidade”, de forma a “captar visitantes, consistindo assim num potencial de atratividade e de mobilização de residentes e não residentes”. “Só com o envolvimento dos diferentes agentes económicos e da população em geral será possível criar dinâmicas de promoção e de atratividade da cidade da Trofa, com consequentes ganhos em termos de notoriedade”, acrescentou.

“Trofa em Festa”, assim como outras iniciativas já dinamizadas, está integrada no Projeto de Requalificação Urbana dos Parques Nossa Senhora das Dores e Dr. Lima Carneiro, Operação 3, designada por “Reestruturação e Dinamização Económica”, projeto cofinanciado pelo ON.2 – O Novo Norte e QREN, através do FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional. Um projeto que prevê “a realização de ações de dinamização económica e social e de promoção da cidade”, que tem como objetivos “valorizar os aspetos diferenciadores, o potencial cultural, recreativo e desportivo da Trofa, fomentar a atratividade e a notoriedade da cidade, atrair visitantes e fixar residentes”. “Pretende-se sensibilizar os diferentes operadores económicos para a necessidade de contribuírem de forma eficaz para o desenvolvimento da imagem da cidade”, finalizou.

 

Montras Vivas no Natal do Novo Centro

Com o seu vestido vermelho às bolinhas brancas, a Minnie estava à entrada da papelaria Mundo de Letras, situada na Rua Poeta Cesário Verde. Esta foi uma das poucas lojas que participou nas montras vivas, organizadas nas ruas Poeta Cesário Verde e Armindo Costa Azevedo Júnior, e que estavam inseridas no programa do “Natal do Novo Centro”.

Esta iniciativa foi desenvolvida em parceria com a AEBA, no âmbito da “Trofa em Festa”, que, “após análise do projeto”, decidiu “apoiar” os lojistas junto à nova estação de comboios, “encarregando-se tanto da organização deste domingo, como do financiamento”.

“Natal do Novo Centro” foi o nome dado à “festa de Natal da zona da nova estação”, que tinha como objetivos “a promoção e divulgação do comércio tradicional”.