Até 16 de outubro, está patente, na Loja Interativa de Turismo da Trofa, no Parque Nossa Senhora das Dores e Dr. Lima Carneiro, uma exposição de peças em madeira, da autoria de vários artesãos de Barcelos. A entrada é livre.

A mostra, propriedade da autarquia barcelense para promover a “Rota da Madeira”, destaca a minúcia do trabalho feito nesta matéria-prima, que resulta em peças de decoração, onde o galo, logicamente, tem papel de destaque.

“A produção da madeira não se concentra em nenhuma área territorial específica do concelho, garantindo assim uma dispersão da riqueza patrimonial cultural e artística ligada a este tipo de trabalhos”, pode ler-se no site do município de Barcelos, que detalha que as peças mais comuns “são as miniaturas em madeira, as quais representam maioritariamente cenas da vida rural (espigueiros, teares, etc.) e brinquedos”. “De maior dimensão”, acrescenta, “produzem-se essencialmente, utensílios agrícolas, móveis rústicos e peças de carácter religioso, como crucifixos e oratórios”.