Select Page

PCP critica “governamentalização” da Metro

PCP critica “governamentalização” da Metro

Uma delegação da DORP do Partido Comunista Português reuniu esta terça-feira com a administração da empresa Metro do Porto para discutir a construção das linhas da Trofa, Gondomar e Boavista. No final do encontro os comunistas criticaram a "governamentalização" do metro por parte do Governo.

PCP critica

  O dirigente comunista Sérgio Teixeira adiantou que no encontro com o administrador executivo da empresa, Oliveira Marques, ficou claro que "está tudo pronto para avançar com a construção da linha de Gondomar e a duplicação da linha da Trofa, assim como a linha da Boavista.

A Direcção da Organização Regional do Porto do PCP (DORP/PCP) diz estar em desacordo com a "governamentalização da gestão da Metro do Porto. Sempre defendemos que as autarquias, através da Junta Metropolitana do Porto, devem ter voz activa e determinante na gestão da empresa" afirmou o responsável à Lusa, reconhecendo no entanto que "esta questão não fez parte dos assuntos tratados na reunião com Oliveira Marques, já que se trata de uma questão política, que está fora do âmbito técnico daquele cargo".

Na reunião estiveram os deputados comunistas Honório Novo e Jorge Machado e um responsável do PCP da Trofa e elemento da DORP, Jaime Toga que em declarações ao NT afirmou que "o projecto do Metro da Trofa estará pronto dentro de quatro meses faltando depois apenas a luz verde do Governo para avançar com a construção da linha". Toga foi mais longe ao afirmar que "a deputada socialista Joana Lima, também vereadora da Câmara Municipal da Trofa, deverá, enquanto eleita na Assembleia da República, ter uma postura de defesa da construção da Linha, já que pertence ao partido que está no governo", frisou.

Evidenciando que a DORP do PCP está "muito preocupada" com a falta de cumprimento dos compromissos já assumidos, Sérgio Teixeira, admite que "se o Governo não cumpre os seus compromissos, está a pôr em causa a dignidade do Estado", rematou.

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª página da edição papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização