quant
Fique ligado

Religião

Padre da Trofa na organização de ciclo de conferências missionárias

Publicado

em

Os Institutos Missionários Adgentes (IMAG) e os ANIMAG (Animadores dos Institutos Missionários Adgentes), em colaboração com as Obras Missionárias Pontifícias (OMP), vão organizar um ciclo de conferências missionárias durante o mês de outubro, em formato de videoconferência, dedicado ao tema “A falta que um rosto faz!”

Na organização deste evento está o padre Simão Pedro, natural da Trofa. “Neste momento de pandemia que vivemos, a tempestade que vivemos é inesperada e realmente estamos a sentir a falta e proximidade do rosto do outro. É uma oportunidade para repensar que sem o outro não fazemos sentido, deixamos de ter sentido. É em redação com o outro que ganhamos valor”, explicou o sacerdote, que é presidente dos ANIMAG, à Agência ECCLESIA.

As sessões realizam-se todas as quintas-feiras, às 21 horas, entre os dias 1 e 29 de outubro, com participação aberta e gratuita, mediante inscrição prévia, até 30 de setembro, disponível no link: https://docs.google.com/…/1FAIpQLScDbad7xw2PRf…/viewform.

A primeira sessão, a 1 de outubro, terá como orador o bispo da Diocese de Lamego, D. António Couto, que refletirá sobre a transformação «de “eu” para “eis-me aqui!”», baseando-se na mensagem do Papa Francisco para o Dia Mundial das Missões 2020.

No dia 8, será a vez da encenadora Matilde Trocado dissertar sobre “As Expressões de Proximidade”.

A terceira sessão, marcada para 15 de outubro, contará com a especialista em intervenção social, Rita Valadas, para refletir sobre “O outro diante de mim”.

Já a sessão do dia 22 será dedicada a “Desmascarar a missão”, com o professor da Universidade Católica, Juan Ambrosio.

Publicidade

Na quinta e última sessão, a 29 de outubro, o cardeal, teólogo e poeta, Tolentino Mendonça, vai partilhar “As palavras da missão”.

Continuar a ler...
Publicidade

Edição 768

Procuram-se figurantes para procissão da Senhora das Dores

Adultos, crianças e adolescentes estão “convidados” a participar, recebendo cinco euros como “forma simbólica de agradecimento”.

Publicado

em

Por

A paróquia de S. Martinho de Bougado está à procura de figurantes para integrarem a majestosa procissão em honra de Nossa Senhora das Dores, que se realiza em agosto. Adultos, crianças e adolescentes estão “convidados” a participar, recebendo cinco euros como “forma simbólica de agradecimento”.
Os interessados podem formalizar a inscrição no cartório paroquial, situado junto à Igreja Matriz de S. Martinho, às terças e quintas-feiras, das 09h00 às 12h30, ou às quartas e sextas-feiras, das 15h00 às 19h00. O contacto telefónico é o 252 412 883.
“Contamos com o seu apoio no relançamento destas grandiosas festas”, apelou a paróquia, numa mensagem dirigida a toda a comunidade.

Continuar a ler...

Edição 767

Senhora do Coração Orante foi concebida por santeiro de S. Mamede

Uma mulher suplicante de joelhos com o coração na mão. A imagem representa a Senhora do Coração Orante, uma nova figura mariana que pertence ao Movimento da Mensagem de Fátima da Arquidiocese de Évora.

Publicado

em

Por

Uma mulher suplicante de joelhos com o coração na mão. A imagem representa a Senhora do Coração Orante, uma nova figura mariana que pertence ao Movimento da Mensagem de Fátima da Arquidiocese de Évora.
Destinada a uma capela a construir em Montargil, a imagem foi concebida em S. Mamede do Coronado, pelas mãos do artista santeiro Augusto Ferreira.
No dia 31 de maio, a estátua foi apresentada em Fátima, com a presença do escultor mamedense, que explicou o processo de construção. “Falando tecnicamente, é um processo que, no início, se desenvolve com um trabalho em barro, para resolver alguns detalhes técnicos e medidas canônicas, por aí fora, até chegarmos ao trabalho final, no qual tivemos de dar tudo por tudo, para conseguir passar para a matéria-prima tudo aquilo que está na cabeça. Eu acho que não se atinge certos níveis de ‘perfeição’, que não é a do lado técnico nem do lado estético, mas sim a perfeição que é aquela conseguir fazer com que, de facto, o crente perceba a mensagem que está ali”, explicou aos jornalistas.
Integrante da campanha de oração pelas intenções do Papa, a estátua foi apresentada ao público, em Fátima, no encerramento do mês dedicado à virgem Maria, num momento que contou com distribuição de réplicas e do folheto da novena da devoção à Senhora do Coração Orante.
A apresentadora de televisão Fátima Lopes é uma das embaixadoras da campanha de oração e elogiou a “beleza” e “doçura” da imagem. O mesmo fez o Papa Francisco, que benzeu a estátua, em outubro de 2021, num momento em que ressalvou a importância de sempre rezar pelo santo padre e de que o terço é a oração universal.
A ideia de criar a Senhora do Coração Orante, que já esteve em momentos de oração na cela de irmã Lúcia e no santuário de Fátima, surgiu a partir do centenário da imagem peregrina da Capelinha das Aparições e da morte de Jacinta.
“Ela é a Senhora de Fátima, só que representa a vida de todos os peregrinos. Quando vão a Fátima e à Capelinha das Aparições, eles têm o objetivo de pedir ou agradecer e fazem-no sempre através da oração e é tão interessante perceber que, quando chegamos à capelinha, Nossa Senhora já reza connosco e está de joelhos para levar as nossas orações a Deus”, explicou o padre João Luís Silva, pároco de Montargil.

“É uma imagem carregada de doçura. Quando nós a contemplamos, é impossível não sentir amor no coração, porque a imagem tem isso tudo. Se ficarmos parados a olhar para a imagem, sem nada dizer e sem ninguém a falar connosco, simplesmente a contemplá-la, nós não somos a mesma pessoa no fim desse momento de contemplação, posso garantir”

Fátima Lopes, apresentadora de TV
Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também