A Junta de Freguesia de Bougado anunciou a reabertura, para 2 de maio, do Mercado da Trofa, apenas com a venda de produtos alimentares.

A decisão foi tomada, justifica esta autarquia, “tendo em conta a aparente estabilização da propagação do coronavírus no concelho da Trofa, e apoiado numa grande necessidade dos produtores locais escoarem os seus produtos e dos consumidores adquirirem os mesmos”.

A reabertura não está, porém, livre de restrições e medidas suplementares de segurança. A venda será feita no interior do edifício do mercado, entre as 7 e as 12 horas, e os feirantes terão de fazer cumprir a distância de segurança, usar máscara ou viseira e disponibilizar gel desinfetante.

“Os Feirantes não poderão permitir que os clientes manuseiem os produtos que tem para venda e, de forma a limitar a circulação e evitar a acumulação de pessoas, devem evitar que haja mais que uma pessoa a ser atendida, em cada banca”, sublinhou ainda a Junta de Freguesia, que indicou ainda de que “as entradas serão controladas e terão agentes de segurança”.

Todos os clientes devem aceder ao edifício munidos de máscara de proteção.