Depois de ter assegurado a conquista do título nacional no Rali do Centro, Ricardo Moura não deixou os seus créditos por mãos alheias e venceu mais uma edição do Rali de Mortágua, que se disputou no fim de semana.

Com o Mitsubishi Lancer Evo 9 a funcionar na perfeição Moura venceu todas as especiais da prova organizada pelo Clube Automóvel do Centro, que ficou marcada pela escassa lista de inscritos. O famalicense Miguel Barbosa (Mitsubishi Evo 9), apesar de alguns problemas no início do rali, garantiu o 2º lugar na prova e assim arrecadou a viceliderança do campeonato. O jovem Ivo Nogueira num Citröen DS3 R3T conseguiu um excelente 3º lugar o que foi suficiente para vencer na categoria destinada a viaturas de apenas duas rodas motrizes bem como o campeonato referente a esta classe. 

Na Taça de Portugal de Ralis um 7º lugar chegava a Vítor Pascoal (Mitsubishi Evo 7) para garantir o título. O piloto de Amarante adotou uma toada calma e assim conquistou o 3º lugar final que foi mais do que suficiente para finalmente conquistar um título nacional, ele que era apelidado de eterno 2º pelo facto de durante anos a fio ter terminado o Campeonato de Portugal de Ralis na posição intermédia. Daniel Nunes em Mitsubishi Evo 6 efetuou uma prova soberba com uma condução sempre exuberante, venceu entre os concorrentes da Taça apesar da enorme pressão do local Raul Aguiar num Mitsubishi Evo 4 que terminou em 2º. Com a vitória na prova, Nunes sagrou-se campeão do Regional Centro. 

O trofense Jorge Carvalho, que na Taça de Portugal navega Daniel Ribeiro, teve um rali uns furos abaixo do esperado. Alguns problemas de jovialidade do Opel Corsa OPC não permitiram a esta dupla irem além do 8º lugar final. Os ralis prosseguem já no próximo fim de semana com a realização do Rali de Gondomar.

Miguel Mascaranhas

{fcomment}