Joana Lima anunciou que a Comissão Política Concelhia aprovou a sua recandidatura à presidência da Câmara Municipal da Trofa. 

“Fiquei muito honrada”. O sentimento é de Joana Lima, que foi eleita pela Comissão Política Concelhia (CPC) do Partido Socialista (PS) da Trofa para se recandidatar à Câmara Municipal nas próximas eleições autárquicas, que se realizam em 2013. 

O sufrágio decorreu na noite de quinta-feira, dia 22 de novembro, onde a candidatura de Joana Lima foi aprovada com 51 votos a favor e dois brancos. A secção de Santiago de Bougado do Partido Socialista da Trofa organizou  na noite de sábado, dia 24 de novembro, uma festa, onde foi comemorado o magusto, onde não faltaram as castanhas assadas, o porco assado no espeto, caldo verde, figos e o bom vinho.

Aproveitando o convívio entre militantes, simpatizantes, familiares e amigos do partido, Joana Lima anunciou que se vai recandidatar à presidência da Câmara da Trofa. Para Joana Lima, presidente da CPC do PS da Trofa, esta foi uma escolha “natural” e “importante”, no sentido de dar “continuidade do trabalho” desenvolvido por este executivo. “Queremos consolidar as nossas contas públicas, queremos fazer das nossas contas municipais um exemplo pelo País, mas para isso é preciso tempo. Estarei sempre na linha da frente na defesa do rigor e da transparência da continuidade do projeto que encetamos neste mandato, nunca pondo em causa o desenvolvimento do nosso concelho”, explanou.

A candidata afirmou que o próximo mandato será “dominado pela concretização de projetos fundamentais para o concelho e para todos os trofenses, grandes realizações que estão a ser alavancadas desde 2009, e que terão o desfecho que a população espera e merece, até 2017, como é o caso da construção dos Paços do Concelho”. 

Leia a reportagem completa na edição desta semana d’ O Notícias da Trofa, disponível num  quiosque perto de si ou por PDF.

{fcomment}