Um indivíduo de 33 anos foi detido pela GNR da Trofa por injúrias, desobediência e agressões a um agente da autoridade.

 A Avenida de Mosteirô, em S. Martinho de Bougado, foi palco, na sexta-feira, de uma detenção digna de uma película de acção. Um indivíduo de etnia cigana, de 33 anos, fugiu à GNR da Trofa depois de ter injuriado, desobedecido e agredido um agente da autoridade.

Tudo começou na sequência de um acidente de viação que ocorreu cerca das 19.45 horas, do qual resultaram dois feridos ligeiros, os condutores das viaturas.

Já dentro da ambulância dos Bombeiros Voluntários da Trofa, onde foram assistidos os feridos, o indivíduo de etnia cigana apresentou uma taxa de alcoolemia de 1,08 gramas por litro de sangue, que apesar de não ser considerada crime, impõe a aplicação de uma coima. Depois de ser confrontado com os valores do teste efectuado, o indivíduo agrediu o guarda com um pontapé e tentou ainda morder-lhe um braço. Dando um encontrão ao guarda, conseguiu fugir para as imediações da estrada onde tinha acontecido o acidente. Vários agentes da GNR acabaram por deter o homem cerca das 20.30 horas.

O detido foi ainda transportado para a unidade de Vila Nova de Famalicão do Centro Hospitalar do Médio Ave para ser observado. O guarda agredido acabou também por receber tratamento hospitalar.

Já na segunda-feira o indivíduo foi presente a tribunal, mas o caso baixou a inquérito.

No local, para além da GNR, estiveram ainda quatro elementos da corporação de bombeiros da Trofa, auxiliados por duas viaturas.

 

Apanhados com excesso de álcool

 

No sábado, um indivíduo de 34 anos foi detido por conduzir sob o efeito de álcool e sem habilitação legal para o fazer. O homem, que conduzia aos ziguezagues, segundo fonte da GNR, foi interceptado pela patrulha cerca das 6.30 horas na Estrada Nacional 14, junto ao cruzamento da Carriça. Tendo acusado uma taxa de alcoolemia muito superior ao permitido por lei (1,61 gramas por litro de sangue) o indivíduo foi detido e notificado para comparecer em tribunal esta segunda-feira. O homem não compareceu e o caso baixou a inquérito.

Já no domingo, um indivíduo de 46 anos foi detido cerca da uma hora da madrugada na Rua do Horizonte, em S. Romão do Coronado, por apresentar excesso de álcool no sangue. O homem, que conduzia uma viatura ligeira de passageiros, foi interceptado pela patrulha da GNR da Trofa que reparou na condução inconstante do indivíduo. O teste de álcool acusou 1,40 gramas de álcool por litro de sangue. O indivíduo foi presente a tribunal esta segunda-feira e o caso baixou a inquérito.