armindocosta

A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão vai transferir para sete freguesias do concelho um total de 290 mil euros, destinados à concretização de diversas obras de reabilitação urbana. As propostas para celebração de protocolos e atribuição de subsídios às freguesias de Antas, Lousado, Vilarinho das Cambas Delães, Mogege, Seide S. Miguel e Telhado foram aprovadas na última reunião do executivo municipal.

Para o presidente da autarquia famalicense, Armindo Costa, “esta medida insere-se na nossa política de apoio ao desenvolvimento das 49 freguesias do concelho”. “Todos os meses são aprovados e transferidos muitos milhões de euros que possibilitam a execução das mais diversas obras, de importância vital para as populações locais”, acrescenta o autarca.

Neste âmbito foi aprovado a realização de um protocolo no valor de 100 mil euros, com a freguesia de Antas para a primeira fase da requalificação do adro da igreja, nomeadamente para a colocação de um novo piso, iluminação e mobiliário urbano.

A Câmara Municipal vai celebrar ainda um protocolo com a freguesia de Lousado, no valor de 2.142 euros para a criação de um espaço de recreio no jardim-de-infância da freguesia, com substituição do piso. Para além do protocolo, Lousado irá ainda receber uma verba no valor de 65 mil euros para apoiar a construção da Capela Mortuária. Vilarinho das Cambas será outra das freguesias contempladas com a assinatura de um protocolo no valor de 1.795 euros, destinados à substituição de tubagem na Escola Básica do 1.º Ciclo de Barranhas.

Entretanto, a autarquia vai atribuir um subsídio no valor de 20 mil euros à junta de freguesia de Delães para a primeira fase das obras da ampliação do cemitério. A freguesia de Mogege é outra das beneficiadas com a atribuição de uma verba no valor de 70 mil euros para o arranjo urbanístico do adro da igreja. Por sua vez, Seide S. Miguel vai ser contemplada com um subsídio de 25 mil euros para as obras de alargamento da rua Padre Benjamim Salgado, uma das mais utilizadas pela população da freguesia.

Por fim, a freguesia de Telhado vai receber um subsídio no valor de 7.500 euros para a construção de um tanque público, com passeios, canalização de água e muros.