Ficou conhecido em Portugal como guarda-redes do Paços de Ferreira, tendo realizado 87 jogos ao serviço dos “castores”, mas passou ainda pelo Marítimo, Feirense, Académico de Viseu e, mais recentemente na Académica (2018/2019).

Esta temporada, Peçanha pendurou as chuteiras e iniciou a carreira de treinador de guarda-redes no Paços de Ferreira, integrando a equipa técnica de Filipe Rocha (despedido no início de setembro), mas rapidamente deu o salto para treinador principal do Clube Desportivo Trofense.

Peçanha vai sentar-se no banco já no próximo domingo, no jogo em Gondomar.