A Proteção Civil está hoje à tarde a enviar mensagem escritas por telemóvel (SMS) para a população dos oito distritos que vão ficar em alerta laranja às 00:00 de terça-feira devido ao mau tempo.

Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) vai colocar em estado de alerta especial laranja (o segundo mais grave da escala) os distritos de Lisboa, Santarém, Setúbal, Portalegre, Castelo Branco, Aveiro, Coimbra e Porto devido à chuva “forte e persistente” e ao vento.

O estado de alerta especial laranja, ativado quando o grau de risco é elevado e é expectável uma situação de perigo com condições para a ocorrência de fenómenos invulgares que podem causar danos a pessoas e bens, colocando em causa a sua segurança, vai estar em vigor entre as 00:00 de terça-feira e as 23:59 de quarta-feira.

A ANEPC está enviar o SMS preventivo para a população dos distritos que vão estar em alerta laranja, à semelhança do que acontece quando o risco de incêndio rural é elevado.

“Chuva e vento forte nas próximas 48 horas. Risco de inundações. Fique atento. Siga recomendações das autoridades”, indica o SMS.

Em conferência de imprensa realizada hoje na sede da ANEPC, Alexandre Penha, adjunto de operações, alertou para a possibilidade de inundações, cheias rápidas, principalmente em zonas urbanas, e quedas de ramos de árvores e infraestruturas, bem como formação de lençóis de água nas estradas.

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), Portugal continental está sob o efeito da depressão Bárbara, que dará origem a precipitação forte, aumento da intensidade do vento com rajadas até 100 quilómetros por hora e até 130 quilómetros por hora nas terras altas e agitação marítima, em especial na costa da região sul.