quant
Fique ligado

Trofa

BIAL distribuiu meio milhão de euros para apoiar combate à pandemia Covid-19

Publicado

em

Fundo lançado pela farmacêutica portuguesa, com sede em S.Mamede do Coronado, ajudou dezenas de instituições e iniciativas

O fundo lançado pela BIAL para apoiar diversas iniciativas da comunidade no âmbito do combate à pandemia COVID-19 distribuiu meio milhão de euros, a totalidade da verba alocada. O fundo foi criado pela farmacêutica portuguesa em março do ano passado, pouco depois de ter sido decretado o estado de emergência.  


Ao longo do último ano e meio, as verbas foram distribuídas por várias instituições e iniciativas, tendo em conta a evolução da pandemia e as necessidades mais urgentes, seja no sector da saúde e social, como também na vertente da educação ou em campanhas de sensibilização para a população em geral. 

José Redondo, Administrador da BIAL responsável pela gestão do Fundo, sublinha que “travámos, e ainda que numa escala diferente continuamos a travar, uma batalha de âmbito global. Face à crise pandémica que afetou o mundo, mobilizámos recursos para dar resposta à pandemia em diferentes frentes. É gratificante ver a materialização do compromisso que assumimos logo no início da pandemia, o contributo que aportámos a diferentes movimentos de solidariedade e de união que, felizmente, foram sendo criados e o impacto que o Fundo teve na sociedade a diferentes níveis no combate à Covid-19”. 

Entre os vários apoios concedidos pelo Fundo da BIAL estão a oferta de equipamentos de proteção individual, esgotados durante meses no início da pandemia, e a aquisição de materiais e equipamentos de apoio aos cuidados de saúde, nomeadamente ventiladores.  

Na área da educação, BIAL enfatiza a oferta de computadores a escolas, possibilitando que o ensino à distância fosse uma realidade para vários alunos, e a concessão de bolsas de estudo, que permitiram que estudantes de famílias mais afetadas pelos efeitos da pandemia pudessem continuar os seus percursos académicos.  

Publicidade

BIAL associou-se também a diferentes entidades e instituições, participando em campanhas de recolha de donativos monetários e de equipamentos, nomeadamente o movimento “Todos por quem cuida”, promovido pela Ordem dos Médicos e a Ordem dos Farmacêuticos com o apoio da Apifarma, assim como em campanhas de sensibilização e educação sobre a Covid-19. 

Numa outra vertente, o fundo da BIAL contribuiu ainda para a realização de programas de rastreios de imunidade e realização de testes para o diagnóstico do SARS-Cov-2, para apoiar estudos e projetos de investigação sobre a Covid-19, colaborações com sociedades médicas e associações de doentes no desenvolvimento de programas, webinars e outros conteúdos críticos para que muitos pacientes conseguissem gerir as suas doenças no contexto da Covid-19.  

Continuar a ler...
Publicidade

Desporto

Trofense sem direção aguarda por setembro para criar comissão administrativa

Publicado

em

Por

Apenas 40 sócios marcaram presença na assembleia geral extraordinária do Clube Desportivo Trofense, na noite desta sexta feira, que tinha como ponto a eleição de uma comissão administrativa, depois de Franco Couto ter apresentado a demissão, por motivos pessoais.

A assembleia foi conduzida por José Duarte Gomes, presidente da Assembleia Geral do Clube, apoiado por 2 sócios, uma vez que os secretários da assembleia não compareceram na mesma.

A comissão vai ter como primeira batalha tratar do pagamento dos 4 meses em atraso do RERE (Regime extrajudicial de recuperação de empresas), que foi aprovado em tribunal e que o clube não estará a pagar, segundo informação vinculada na assembleia.

A assembleia terminou sem que alguém demonstra-se interesse em liderar uma comissão administrativa, havendo 5 sócios disponíveis para integrar uma, mas sem a liderar.

Ficou marcada para 2 de setembro nova assembleia com o objetivo de encontrar uma comissão.

Continuar a ler...

Trofa

Junta do Coronado cancela Coronado Convida por “desentendimento” com a paroquia de S.Mamede

Publicado

em

Por

A Junta de Freguesia do Coronado cancelou a edição de 2022 do Coronado Convida.
O evento estava previsto para decorrer entre 29 de agosto e 4 de setembro foi cancelado porque a paróquia pretendia montar “uma tasquinha” no adro da Capela do Divino Espírito Santo, mesmo depois de “terem tomado conhecimento de que já não havia lugar para mais espaços de restauração”, anunciou a junta em comunicado.

No referido documento, a junta de freguesia afirma que “tentou sensibilizar os intervenientes de que isso colocaria em causa toda a dinâmica e todos os participantes do evento” e que “perante a insistência e a determinação dos elementos ligados à Paróquia a Junta de Freguesia viu-se forçada a cancelar o evento para salvaguardar o princípio de organização do mesmo e para não entrar em choque” com uma das entidades da comunidade, nem com todos os participantes do certame. (Leia o comunicado na integra clicando aqui)


Já a paroquia, também em comunicado afirma que o regulamento do evento “definia que os lugares de restauração seriam atribuídos mediante apresentação de candidatura em carta fechada, sob licitação mínima de 800 euros, a serem conferidos aos três que apresentassem a melhor proposta, até ao dia 5 do presente mês, contudo, e segundo o mesmo comunicado, “a informação que foi disponibilizada à Paróquia, oito dias antes da data prevista de entrega das cartas, foi de que os lugares já se encontravam preenchidos.”
Segundo o comunicado, publicado nas redes sociais, a paroquia afirma que “manifestou o seu descontentamento com esta falta de consideração pelas regras instituídas” e que dois elementos do conselho económico estiveram reunidos com o presidente da Junta de Freguesia, José Ferreira, saindo dessa reunião com “bom entendimento entre as partes, decorrendo num favorável espírito de abertura e cordialidade”, mostrando surpresa pelo motivos alegados para o cancelamento do evento. (Leia o comunicado da paroquia clicado aqui)


O certame tinha realização prevista, tal como nas anteriores edições, na zona envolvente à Capela do Divino Espirito Santo, em S.Mamede do Coronado.
O Coronado Convida realizou-se já por 11 edições, esteve suspenso em 2010 e 2011 devido à pandemia, e é uma mostra associativa e cultural da freguesia.

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também

} a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);