quant
Fique ligado

Desporto

Associados reiteram realização de assembleia extraordinária do CD Trofense após comunicado do presidente da assembleia-geral

Na sequência da missiva do presidente da assembleia-geral do CD Trofense enviada aos associados, os proponentes de um pedido de convocação de assembleia extraordinária do clube enviaram um comunicado.

Publicado

em

Na sequência da missiva do presidente da assembleia-geral do CD Trofense enviada aos associados, os proponentes de um pedido de convocação de assembleia extraordinária do clube enviaram um comunicado, em que referem que “é com pesar que vemos o nosso pedido de Assembleia Geral Extraordinária (AGE) ser negado pelo Sr. Presidente da Mesa da Assembleia Geral, Sr. José Duarte”. 

Os proponentes confirmam que houve uma reunião “a 11 de janeiro”, depois do pedido da assembleia-geral extraordinária. “Nesse encontro, tentaram-nos sensibilizar para o facto de existir, segundo os regulamentos do clube, a obrigação de marcação de uma Assembleia Geral Ordinária durante o mês de março”, começam por escrever, contrapondo com o facto de “à data da última Assembleia nos foi prometido pelo atual Presidente do Clube, Sr. Franco Couto, uma AGE dentro de dois meses após a sua eleição – o que não aconteceu”.

Os subscritores negam que tenha havido “um entendimento entre as partes” para a não realização da assembleia-geral e manifestam esperança de que “a atual Direção tenha a decência de pronunciar antes que algum dos muitos acidentes e incidentes que têm acontecido no Complexo Desportivo de Paradela tenham proporções (ainda mais) danosas”, concluem. 

Recorde-se que um grupo de sócios pediu ao presidente da assembleia-geral do clube a convocação de uma assembleia-geral extraordinária, na qual, além de quererem tomar conhecimento da situação financeira do clube e debater sobre as condições do complexo de Paradela, pretendem “uma clarificação cabal sobre o entendimento entre o Clube e a SAD, na tentativa de garantir que o mesmo se encontra a ser integralmente cumprido por ambas as partes”.

Já depois deste pedido, o presidente da assembleia-geral, José Duarte, enviou uma missiva aos sócios, em que declarou ter havido uma reunião com os proponentes, que resultou numa “melhor interpretação e compreensão dos assuntos elencados assim como a respetiva motivação e eventual interesse para a coletividade”, validando a pertinência dos assuntos, mas remetendo a sua discussão para uma assembleia-geral ordinária, “que será designada para março”.

NT errou

Na notícia publicada pelo NT, é referido que “em missiva dirigida aos associados, José Gomes, presidente da mesa da assembleia, explicou que, em reunião com os proponentes, realizada a 11 de janeiro, ficou acordado que os temas propostos para discussão vão constar da próxima assembleia-geral ordinária”, quando, na realidade, o que é referido apenas é que “é entendimento da Mesa da Assembleia Geral
que não obstante a legitimidade dos requerentes e o magno interesse para o Clube a apreciação dos assuntos em causa, os mesmos serão integrados na Assembleia que será designada para março, não se marcando assim uma reunião geral de sócios extraordinária”.

Publicidade

.

Continuar a ler...

Desporto

Trofense vence Coruchense com ‘bis’ de Okitokandjo e segue em frente na Taça

Publicado

em

Dois golos de Stevy Okitokandjo permitiram hoje ao Trofense, da II Liga de futebol, seguir em frente na Taça de Portugal, com um triunfo por 2-0 no reduto do Coruchense, equipa do Campeonato de Portugal.

O avançado neerlandês apontou os tentos da vitória aos 20 e 53 minutos, confirmando o favoritismo do conjunto que ocupa a 15.ª posição da II Liga, embora o resultado não espelhe a sólida exibição do oitavo classificado da Série C do Campeonato de Portugal.

Com o treinador José Peseiro a assistir na bancada do Estádio Municipal que tem o seu nome, o Coruchense apresentou uma excelente réplica ao Trofense, discutindo o jogo da segunda eliminatória de igual para igual, sem se notarem grandes diferenças entre os escalões das equipas.

O que decidia a eliminatória, durante a primeira parte, era o golo de Stevy Okitokandjo, aos 20 minutos, a encostar para o fundo das redes um cruzamento do flanco esquerdo de Pablo Maldini, após combinação com Andrezinho, que meteu o Trofense na frente.

No entanto, a turma de Coruche até dispôs de várias oportunidades para finalizar, sem sucesso, apesar de colocar a defesa adversária em sobressaltos, mas já no reatamento sofreu o 2-0, que fez desabar qualquer réstia de esperança numa eliminação surpresa.

Através de uma jogada de insistência, Stevy Okitokandjo ‘bisou’ na partida, aos 53, na sequência de uma recarga a um primeiro remate de fora da área, o que baixou o ritmo do jogo, apesar de o Coruchense ter procurado até ao fim, sem o conseguir, um tento de honra.

Publicidade
Continuar a ler...

Desporto

Futsal: CR Bougado perde em Vila Nova de Gaia

Publicado

em

Por

Perante o Juventude de Gaia, equipa que desceu dos campeonatos nacionais, o Centro Recreativo de Bougado teve o primeiro dissabor da época, na Divisão de Elite, da Associação de Futebol do Porto.

Em jogo da 2.ª jornada da série 1, a boa réplica dos trofenses na viagem a Canidelo não foi o suficiente para conquistar qualquer ponto e acabaram por sair derrotados por 2-1, numa partida em que o resultado se manteve incerto até ao final.

A formação trofense, que segue no 4.º lugar da prova, com 3 pontos defronta, na próxima jornada, o líder Cohaemato.

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também

} a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);