quant
Fique ligado

Ano 2010

Águas do Ave extinta

Publicado

em

  A empresa Águas do Ave, responsável pela gestão do sistema multimunicipal do abastecimento de água e rede de saneamento do Vale do Ave, foi extinta, juntamente com as empresas Águas do Cávado e Águas do Minho e Lima, dando origem à Águas do Noroeste.

 A Águas do Noroeste é a nova empresa responsável pelo Sistema Multimunicipal do Noroeste e vai substituir, por fusão, os sistemas multimunicipais de captação, tratamento e abastecimento de água do Norte da área do Grande Porto, de abastecimento de água e de saneamento do Minho Lima e do vale do Ave.

Resultado da junção das três empresas, a Águas do Noroeste é a primeira empresa resultante de um processo de fusão no sector da água em Portugal, tornando-se numa das maiores empresas gestoras de sistemas multimunicipais de água e saneamento a actuar no país.

Constituída pelo Decreto-Lei número 41/2010, de 29 de Abril, e com início de actividade na última sexta-feira, 4 de Junho, a Águas do Noroeste tem por objectivo “a exploração e gestão do Sistema Multimunicipal de Abastecimento de Água e de Saneamento do Noroeste, e a sua missão consiste em conceber, construir e explorar as infra-estruturas de abastecimento de água e de saneamento do sistema multimunicipal, num quadro de sustentabilidade económica, social e ambiental, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida dos cidadãos e para o desenvolvimento socioeconómico da região”, pode ler-se no site da nova empresa.

Com um capital social de 70 milhões de euros, já realizado em 47,5 milhões de euros, a Águas do Noroeste integra mais de 30 municípios da região do Norte, predominantemente do Minho, numa área de intervenção de cerca de seis mil quilómetros quadrados.

A empresa vai ser responsável por mais de 300 milhões de euros que serão investidos entre 2010 e 2015. “A importância deste investimento para o desenvolvimento socioeconómico da região justifica o seu financiamento a fundo perdido, em cerca de 50 por cento, pelo Fundo de Coesão da União Europeia”, lê-se no site. A notícia avançada on-line pela empresa refere que “a fusão das três empresas do Grupo Águas de Portugal, que permite integrar o ciclo urbano da água no novo sistema multimunicipal, “vem garantir o reforço da sustentabilidade económica e financeira, a obtenção de sinergias, a partilha e maximização de recursos, a redução das tarifas e o aumento da eficácia e eficiência do sistema”.

Publicidade
Continuar a ler...
Publicidade
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Ano 2010

Tradição de porta em porta

Publicado

em

Por


O Rancho Etnográfico de Santiago de Bougado mantém viva, ano após ano, a tradição de cantar as janeiras de porta em porta, levando o folclore da região a todas as casas.

(mais…)

Continuar a ler...

Ano 2010

Arte em quatro rodas

Publicado

em

Por

Francisco Maia tem uma oficina de restauro diferente: recupera automóveis antigos há mais de 20 anos.

(mais…)

Continuar a ler...
EuroRegião Talks

Inscrições EuroRegião Talks

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também