Select Page

Trofense empatou na Feira

Trofense empatou na Feira

O Trofense conquistou esta quarta-feira um precioso empate (1-1) em casa do Feirense, ficando assim a apenas um ponto de assegurar a permanência na 2.ª Liga de futebol, a duas jornada do fim.

Pires, logo aos dez minutos, colocou a equipa de Santa Maria da Feira em vantagem, mas Magique, aos 53, recolocou o empate com que terminou a partida, deixando o Trofense mais perto da manutenção, quando faltam disputar apenas duas jornadas.

O Feirense colocou-se cedo em vantagem perante algum desnorte da defesa do Trofense, que sofreu a primeira contrariedade aos 10 minutos. Numa boa iniciativa individual, Tiago Jogo fugiu pela direita e serviu Pires na área, que se limitou a encostar o esférico para dentro da baliza.

O Trofense mantinha-se desconcentrado nas ações defensivas e quase sofria o segundo golo aos 20 minutos, mas Platiny rematou ao lado da baliza. Pouco depois, Luiz Alberto fez um atraso para Conrado, que agarrou a bola fora da área. O guarda-redes recebeu por isso ordem de expulsão, aos 24 minutos.

A jogar com menos um elemento, o Trofense ainda deu um ar da sua graça antes do intervalo, numa tentativa de Hélder Sousa, que, na cobrança de um canto, enviou a bola à trave.

Na segunda parte, a equipa de Micael Sequeira entrou mais decidida e acabou por chegar ao empate nos minutos iniciais. Magique aguentou uma carga de Oliveira e, à saída de Carlos, rematou com sucesso para a baliza do Feirense (53).

A partir desse momento, o Trofense assumiu o jogo, enquanto o Feirense se nostrou mais desatento na defesa. Apesar da inferioridade numérica, o Trofense voltou a incomodar Carlos, que quase introduzia a bola na própria baliza, após um cruzamento de Hélder Sousa, aos 75 minutos.

O Feirense respondeu e esteve perto da vitória após a cobrança de um canto. Filipe Babo cabeceou ao poste e Platiny chegou atrasado para a recarga (84).

Até final, o Trofense acabou por defender o empate, numa altura em que o Feirense também ficou reduzido a dez unidades por expulsão de Sténio (88).

Jogo no Estádio Marcolino de Castro, em Santa Maria da Feira

Feirense – Trofense: 1-1

Ao intervalo: 1-0

Marcadores:

1-0, Pires, 10 minutos

1-1, Magique, 53

Equipas:

Feirense: Carlos, André Santos, Oliveira (William, 56), Filipe Babo, João Ricardo, Sténio, Tiago Jogo (Diogo Cunha, 61), Rafa, Jorge Gonçalves, Pires (Ludovic, 23) e Platiny.

(Suplentes: Marco, William, Fonseca, Ludovic, Marcão e Diogo Cunha).

Treinador: Quim Machado.

 

Trofense: Conrado, Tiago Lopes, Herbert Santos, Luiz Alberto, Diogo Coelho, Tiago, Rateira (Marco Gonçalves, 25), Hélder Sousa, Magique (Guilherme, 85), Paulinho e Leandro (Gomis, 69).

(Suplentes: Marco Gonçalves, Aires, Gomis, Guilherme, Romeu Torres, André Viana e João Viana).

Treinador: Micael Sequeira.

Árbitro: Carlos Xistra (Castelo Branco).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Luiz Alberto (36), Oliveira (52), Diogo Coelho (60), Diogo Cunha (64), Sténio (74 e 88) e Magique (78). Cartão vermelho direto para Conrado (24) e por acumulação de amarelos para Sténio (88).

 

Assistência: cerca de 1.500 espetadores.

Lusa

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª página da edição papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização