O Trofense cedeu hoje um empate a um golo na receção ao Fátima, em jogo da 22.ª jornada da Liga de Honra em futebol, mas mantém-se na rota da subida ao escalão principal.

Frente ao “lanterna vermelha”, a equipa da Trofa entrou a medo no jogo e permitiu que o Fátima se impusesse ao longo da primeira parte do desafio.

Apesar do primeiro lance de real perigo ter pertencido aos anfitriões, aos três minutos, quando Nildo rematou para fora, quatro minutos depois, Nuno Sousa teve perto de inaugurar o marcador, mas a defesa trofense aliviou já em esforço. No minuto seguinte, aos 7, Marco teve de se esticar para travar o pontapé forte de Moita.

Aos 24 minutos, Reguila viu um golo ser-lhe anulado por alegado fora-de-jogo, depois de Ricardo Andrade ter protagonizado a melhor defesa do primeiro tempo, após cabeceamento de Licá.

Até ao intervalo, destaque para as tentativas de Reguila (26 minutos) e de Zequinha (38) e, mesmo em cima do intervalo, Pedro Moita inaugurou o marcador com um pontapé indefensável de fora da área.

Após o descanso, a equipa orientada por Porfírio Amorim chegou ao relvado com um espírito renovado e vontade de dar a volta ao resultado, confirmada com a igualdade, obtida aos 52 minutos por Gegé, aos 52 minutos, após canto de Zé Manel.

Varela ainda colocou a bola no interior das redes da baliza do Fátima, na sequência de um remate de Licá, novamente inviabilizado por fora-de-jogo.

Ricardo Andrade esteve intransponível durante a segunda parte, apesar da insistência de Nildo (62), Chico (80 e 90+3) e Tiago (89).

A sete minutos do final, o Trofense reivindicou uma grande penalidade por Kata ter cortado a bola com o braço, num lance ignorado pelo madeirense Elmano Santos.

Jogo no Estádio do CD Trofense, na Trofa.

CD Trofense – CD Fátima, 1-1.

Ao intervalo: 0-1.

Marcadores:

0-1, Pedro Moita, 44 minutos.

1-1, Gegé, 52 minutos.

Equipas:

– CD Trofense: Marco, João Dias, Gegé, Varela, Igor, Filipe Gonçalves, Tiago, Nildo, Moustapha (Zé Manel, 46), Reguila (Chico, 78) e Licá (Serginho, 63).

(Suplentes: Janota, Caicó, Moreilândia, Zé Manel, Serginho, Outtara e Chico).

– CD Fátima: Ricardo Andrade, Bruno Mestre, Veríssimo, João Pereira, Mário Rui, Jorge Neves (Leandro Pimenta, 73), Kata, André Carvalhas (Zequinha, 12, substituído por Renato, 89), Moita, Moreira e Nuno Sousa.

(Suplentes: Hugo Pinheiro, Neto, Leandro Pimenta, Mauro Bastos, João Pedro, Renato e Zequinha).

Árbitro: Elmano Santos (Madeira).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Licá (32), Filipe Gonçalves (37), Zequinha (50), Zé Manel (70), Mário Rui (70) e Tiago (83).

Assistência: Cerca de 3.000 espetadores.

 

Texto: Lusa