O Moreirense passou hoje à próxima fase da Taça da Liga, ao vencer, após desempate por grandes penalidades, o Trofense, em jogo da segunda mão da segunda fase, disputado em Moreira de Cónegos.

A equipa de Moreira de Cónegos trazia uma vantagem de 2-1 do jogo da primeira mão disputado na Trofa a 24 de setembro, mas o primodivisionário permitiu que o atual último classificado da II Liga desse a volta ao resultado e teve de ser uma defesa de Marafona a “arrumar” a questão.

Um golo madrugador de Arsénio, após assistência de Alex, aos quatro minutos, antevia tarefa fácil para o Moreirense, mas Adukor aproveitou um cruzamento perfeito de Riascos para fazer o empate, aos 23.

Um grande remate de Portuga, já na segunda parte (60 minutos), depois de uma perda de bola de Diogo Cunha, marcou a reviravolta no marcador e a igualdade na eliminatória.

Nas grandes penalidades, só Simãozinho estragou a boa imagem deixada pelos trofenses, ao permitir a defesa do guarda-redes da casa.

Jogo no Parque de Jogos Comendador Joaquim de Almeida Freitas, em Moreira de Cónegos, Guimarães.

Moreirense – Trofense, 1-2 (5-4, grandes penalidades).

Ao intervalo: 1-1.

Final do tempo regulamentar: 1-2.

Marcadores:

1-0, Arsénio, 04 minutos.

1-1, Adukor, 23.

1-2, Tiago Portuga, 60.

Grandes penalidades:

0-1, João Pedro.

1-1, Cardozo.

1-2, Nanissio.

2-2, André Simões.

2-2, Simãozinho (guarda-redes defende)

3-2, Vítor Gomes.

3-3, André Viana.

4-3, Arsénio.

4-4, Jairo.

5-4, Danielson

Equipas:

– Moreirense: Marafona, Coronas, Anilton, Danielson, Elízio, Filipe Melo, André Simões, Diogo Cunha (Vítor Gomes, 65), Battaglia (Gerso, 65), Arsénio e Alex (Cardozo, 72).

(Suplentes: André Moreira, André Marques, Stéphane Madeira, Vítor Gomes, João Pedro, Cardozo e Gerso).

Treinador: Miguel Leal.

– Trofense: Rui Santos, Miguel Ângelo, Papa Alassane, Jairo, Portuga, Nanissio, Adukor, Bruno Simões, André Viana, Brayan Riascos (Simãozinho, 64) e João Pedro.

(Suplentes: Diogo Freire, Costinha, Hélder Sousa, Njengo, Rogério, Hamilton e Somãozinho).

Treinador: Porfírio Amorim.

Árbitro: Manuel Oliveira (Porto).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Nanissio (68) e Tiago Portuga (81).

Assistência: 358 espetadores.