trofenseuniao

A Oliveirense atrasaou-se hoje na luta pela subida à primeira divisão, ao conceder um empate a zero no seu terreno perante o Trofense, em jogo da 33.ª jornada da II Liga de futebol.

No Estádio Carlos Osório, em Oliveira de Azeméis, e num jogo equilibrado, ambas as equipas tiveram oportunidade para marcar, sobretudo na segunda parte, mas os postes e a barra evitaram os golos.

O Trofense dispôs de uma oportunidade clara de golo no primeiro minuto quando Jonathan cabeceou para uma grande defesa de João Pinho. Aliás, o avançado do Trofense seria o jogador mais irrequieto durante a primeira parte, causando alguns problemas à defensiva da Oliveirense.

Aos 22 minutos, numa boa jogada individual, Jonathan rematou muito perto do poste, com o guarda-redes da Oliveirense praticamente batido.

A resposta da Oliveirense surgiu pouco depois, num remate acrobático de Rui Lima (24), a que o guarda-redes Conrado respondeu com uma defesa apertada.

O jogo tornou-se mais equilibrado com o perigo a regressar a ambas as balizas perto do intervalo. Chico Silva obrigou Conrado a uma defesa difícil com a bola a ficar em cima da linha. Hélder Silva chegou atrasado à bola na recarga e permitiu a emenda do guarda-redes do Trofense (45). No minuto seguinte, Rateira passou pelos centrais da Oliveirense e rematou com perigo ao lado da baliza de João Pinho.

Na segunda parte, a Oliveirense intensificou a pressão sobre o Trofense, mas foi a equipa de Micael Sequeira a criar perigo nos minutos iniciais. Rateira fugiu pela ala esquerda e à entrada da área rematou forte, com a bola a embater no poste (57).

A Oliveirense tentou responder, sobretudo em lances de bola parada, mas a defesa do Trofense demonstrou segurança nas suas ações.

Ainda assim, a Oliveirense quase chegava à vitória aos 79 minutos, após boa jogada individual de Barry, que atirou à barra.

 

Fonte: Lusa