Das 23 horas de 27 de novembro até às 5 horas de 2 de dezembro e das 23 horas de 4 de dezembro e as 5 horas de 9 de dezembro, será proibida a deslocação entre concelhos.

Esta é uma das medidas que acaba por ser anunciada por António Costa, primeiro-ministro, este sábado.

Na sequência das novas restrições, ficou-se a saber que as atividades letivas serão suspensas a 30 de novembro e 7 de dezembro.

Os concelhos com maior risco de propagação do novo coronavírus, nos quais se inclui a Trofa, terão proibição de circulação de concelhos entre as 23 horas e as 5 horas nos dias da semana. E recolher obrigatório também nos próximos fins de semana entre as 13 horas e as 5 horas.

A máscara mantém-se obrigatória na via pública, recintos fechados e locais de trabalho.

Os trabalhadores da administração pública terão tolerância de ponto nos dias anteriores aos feriados de 1 e 8 de dezembro. António Costa apelou aos empresários que façam o mesmo. Nos concelhos com mais de 240 casos por 100 mil habitantes vai haver fiscalizações do cumprimento do teletrabalho obrigatório

Nas vésperas de feriado (30 de novembro e 7 de dezembro), os estabelecimentos comerciais fecham às 15 horas, incluindo os restaurantes.