quant
Fique ligado

Covid-19

Covid-19: Portugal com 10.016 novos casos e 10 mortes nas últimas 24 horas

Publicado

em

Portugal regista hoje mais 10 mortes associadas à covid-19 e 10.016 infeções com o coronavírus SARS-CoV-2, registando os internamentos uma nova descida, indica a Direção-Geral da Saúde (DGS).

Portugal tem hoje o terceiro dia consecutivos com mais de 10 mil novos casos.

Os casos ativos voltaram a aumentaram nas últimas 24 horas, totalizando 99.594, mais 7.647 do que na sexta-feira, e recuperaram da doença 2.359 pessoas, o que aumenta o total nacional de recuperados para 1.157.598.

O boletim epidemiológico diário da DGS revela ainda uma diminuição do número de pessoas internadas, contabilizando hoje 857 internamentos, menos sete do que na sexta-feira, dos quais 152 em unidades de cuidados intensivos, mais três nas últimas 24 horas.

Das 10 mortes, três ocorreram na região Norte, três em Lisboa e Vale do Tejo, outras três duas no Centro, uma nos Açores e outra na Madeira.

Lisboa e Vale do Tejo continua a ser a região com mais novos casos diagnosticados nas últimas 24 horas, num total de 4.713, representando 47% dos casos, seguindo-se o Norte (3.022), o Centro (1.095), o Algarve (452), a Madeira (328), o Alentejo (266) e os Açores (140).

Em relação ao dia anterior, as autoridades de saúde têm mais 3.940 contactos em vigilância, totalizando 122.400 pessoas.

Publicidade

Segundo os dados da autoridade de saúde, a maioria dos óbitos registou-se entre os idosos com mais de 80 anos, num total de sete, seguido da faixa etária dos 70 aos 79, com dois, tendo ainda ocorrido uma morta entre os 60 e os 65 anos.

O maior número de óbitos desde o início da pandemia continua a concentrar-se entre os idosos com mais de 80 anos (12.248), seguindo-se as faixas etárias entre os 70 e os 79 anos (4.077) e entre os 60 e os 69 anos (1.731).

O maior número de novos casos diagnosticados é da faixa etária entre os 20 e os 29 anos (2.202), seguido dos 30 aos 39 anos (1.756), dos 10 aos 19 anos (1.368). dos 40 aos 49 anos (1.258), dos 50 aos 59 anos (1.255), até aos 9 anos (742), dos 60 aos 69 anos (627), dos 70 aos 79 anos (221) e dos idosos com mais de 80 anos (103).

Desde o início da pandemia, em março de 2020, a região de Lisboa e Vale do Tejo registou 491.317 casos e 7.941 mortes.

Na região Norte registaram-se 469.867 infeções e 5.755 óbitos e a região Centro tem agora um total acumulado de 183.154 infeções e 3.338 mortes.

O Algarve totaliza 56.109 contágios e 572 óbitos e o Alentejo soma 45.713 casos e 1.085 mortos por covid-19.

A Região Autónoma da Madeira soma desde o início da pandemia 18.718 infeções e 119 mortes e o arquipélago dos Açores 11.175 casos e 51 óbitos.

Publicidade

As autoridades regionais dos Açores e da Madeira divulgam diariamente os seus dados, que podem não coincidir com a informação divulgada no boletim da DGS.

Em Portugal, desde março de 2020, morreram 18.861 pessoas, 9.899 entre os homens e 8.962 entre as mulheres.

Já foram contabilizados 1.276.05 casos de infeção, segundo dados da DGS, dos quais 596.965 homens, 678.127 mulheres e 961 casos de sexo que se encontram-se sob investigação, uma vez que estes dados não são fornecidos de forma automática.

A covid-19 provocou mais de 5,38 milhões de mortes em todo o mundo desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

Continuar a ler...

Covid-19

Covid-19: Aberto autoagendamento para maiores de 40 anos para dose de reforço

A marcação da toma da dose de reforço da vacina contra a covid-19 está disponível, desde hoje, para pessoas com 40 ou mais anos no portal do autoagendamento da Direção-Geral da Saúde.

Publicado

em

Por

A marcação da toma da dose de reforço da vacina contra a covid-19 está disponível, desde hoje, para pessoas com 40 ou mais anos no portal do autoagendamento da Direção-Geral da Saúde.

O autoagendamento para a dose de reforço estava disponível para maiores de 45 anos desde a última segunda-feira, tendo baixado hoje para as pessoas que têm 40 ou mais anos.

O portal do autoagendamento permite também marcações de pessoas com 60 ou mais anos para dose de reforço contra a covid-19 e vacina contra a gripe, assim como para quem tem mais de 18 anos e foi vacinado com a Janssen há mais de 90 dias.

Segundo anunciou a Direção-Geral da Saúde, até final de sábado cerca de 3,8 milhões de pessoas já tinham recebido a dose de reforço da imunização contra o cornavírus SARS-CoV-2.

Desde que se iniciou o plano de vacinação, em 27 de dezembro de 2020, já foram administradas mais de 20 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 em Portugal.

A covid-19 provocou 5.537.051 mortes em todo o mundo desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

Em Portugal, desde março de 2020, morreram 19.334 pessoas e foram contabilizados 1.906.891 casos de infeção, segundo a última atualização da Direção-Geral da Saúde.

Publicidade

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China.

Uma nova variante, a Ómicron, classificada como preocupante e muito contagiosa pela Organização Mundial da Saúde (OMS), foi detetada na África Austral e, desde que as autoridades sanitárias sul-africanas deram o alerta em novembro, tornou-se dominante em vários países, incluindo em Portugal.

Continuar a ler...

Covid-19

Covid-19: Mais 125 internados em enfermaria, 21.917 novas infeções e 31 mortos

Portugal registou mais 125 internamentos em enfermaria por covid-19 e mais seis em cuidados intensivos nas últimas 24 horas, segundo os dados oficiais de hoje da pandemia, que dão conta de 21.917 novas infeções e 31 mortos.

Publicado

em

Por

Portugal registou mais 125 internamentos em enfermaria por covid-19 e mais seis em cuidados intensivos nas últimas 24 horas, segundo os dados oficiais de hoje da pandemia, que dão conta de 21.917 novas infeções e 31 mortos.

Estão agora internadas 1.938 pessoas infetadas com o vírus SARS-CoV-2 em enfermaria e 174 em unidades de cuidados intensivos, revelam os dados do relatório da avaliação da situação epidemiológica da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Os 31 novos óbitos associados à covid-19 ocorreram em Lisboa e Vale do Tejo (17), na região Norte (6), no Centro (3), no Algarve (3) no Alentejo (1) e na Madeira (1).

O maior número de novas infeções registou-se na região Norte (8.937) e em Lisboa e Vale do Tejo (7.938)

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também